Um Projeto: Fundação Estudar
melhores bolsas de estudo com inscrições abertas

As 25 Melhores Bolsas de Estudo com Inscrições Abertas em Julho e Agosto

Por Marcela Marcos
28.06.2019

Para quem procura bolsas com inscrições abertas, não faltam oportunidades em julho e agosto - incluindo chances de estudar na Europa, nos EUA e no Japão, além de oportunidades para programas de verão!


Como todos os meses, o Estudar Fora compilou as melhores bolsas de estudo com inscrições aberta! Dessa vez, Com o ano já na metade, ainda é possível encontrar oportunidades para começar a estudar fora em 2019. Mas também há várias bolsas com estudos começando em 2020 para as quais ainda dá bastante tempo de se preparar.

Por isso, a seleção atual inclui as melhores bolsas tanto em julho quanto em agosto. Há opções para graduação, mestrado e doutorado nos destinos mais procurados por quem deseja ter uma experiência de estudos fora. Isso inclui Estados Unidos, Austrália, Holanda e França. Também existem opções de programas de verão e oportunidade de participação em conferências globais. Confira!

Bolsas de Estudo para Graduação

Santander oferece 750 bolsas de estudo para intercâmbio e 9 países

O Santander está recebendo inscrições para o Programa de Bolsas Santander Ibero-Americanas. A empresa vai oferecer um total de 750 bolsas de estudo para intercâmbio em graduação e pós-graduação a estudantes brasileiros que queiram realizar seus estudos em outros países. As inscrições vão até o dia 7 de agosto.

Os países de destino disponíveis são Argentina, Colômbia, Chile, Espanha, México, Peru, Porto Rico, Portugal e Uruguai. O valor da bolsa é de 3 mil euros, que podem ser usados para custear despesas como taxa da universidade de destino (se houver), deslocamento, alimentação ou moradia.

As inscrições para as bolsas de estudo para intercâmbio do Santander devem ser feitas por meio do aplicativo Santander Universitário (disponível para Android e iOS). O processo seletivo para as bolsas serão realizados pelas instituições de ensino superior. Ou seja: é necessário conferir com a sua universidade como será o processo, e realizar os procedimentos adequados.

Universidade de Canterbury oferece 25 bolsas para graduação na Nova Zelândia

A Universidade de Canterbury, na Nova Zelândia, aceita candidaturas para suas bolsas de graduação até 15 de agosto. Trata-se de um auxílio financeiro concedido a alunos do primeiro ano dos cursos oferecidos na instituição. Para se inscrever, é necessário submeter a application online.

Ao todo, serão até 25 bolsas concedidas, por meio do programa UC International First Year Scholarship. O prêmio dado aos alunos selecionados vai de 10 a 20 mil dólares neozelandeses (o que dá cerca de R$ 25.700 a R$ 51.400 na cotação atual).

Universidade concede bolsas de graduação e pós em Melbourne

Já pensou em estudar na Austrália? A Universidade de Melbourne, situada na capital cultural do país, abriu inscrições para bolsas de graduação e pós em Melbourne. São diversas modalidades de bolsas, que vão desde aportes únicos até bolsas integrais com auxílio ao candidato durante a duração do curso. As inscrições vão até 30 de outubro.

Entre as bolsas para alunos de graduação, a principal é a Melbourne International Undergraduate Sholarship. Ela vai desde um valor de AU$ 10 mil no primeiro ano da graduação até o valor total do curso do candidato, de acordo com o seu desempenho acadêmico.

Já para pós-graduação, há as Graduate Research Scholarships, que cobrem odos os tuition fees do curso e oferecem um valor anual de AU$ 30.600 para que o candidato se mantenha na Austrália.  Elas têm duração máxima de até dois anos, para programas de mestrado, ou até três anos e meio, para doutorado.

Humber College oferece bolsas de estudo para graduação no Canadá

Localizado em Toronto, maior cidade do Canadá, o Humber College é uma das principais instituições de ensino superior do país. Ao todo, são mais de 150 cursos full-time disponíveis. Os interessados em estudar por lá podem concorrer a bolsas de estudo para graduação no Canadá.

As inscrições estão abertas até 27 de setembro para as turmas que iniciam o curso em janeiro de 2020. Nesse caso, estão disponíveis sete bolsas: três de 5 mil dólares canadenses ao ano, uma de 3 mil dólares por um ano e três de mil dólares por um ano.

Bolsas da OEA para graduação nos EUA, na Western Kentucky University

A Organização dos Estados Americanos (OEA) está oferecendo bolsas de estudo para graduação nos EUA na Western Kentucky University (WKU). Os alunos selecionados pela OEA receberão uma bolsa de US$ 11.400 por ano a cada ano de sua graduação, e os candidatos melhor avaliados receberão também um auxílio-instalação de US$ 4.000 quando chegarem ao país. As inscrições vão até 15 de julho.

Podem se candidatar às bolsas estudantes que queiram fazer um dos crusos de graduação listados no Anexo 1 do edital do programa (página 6). No total, são 52 cursos presenciais e 11 cursos a distância disponíveis. Os cursos presenciais incluem opções de humanas, exatas e biológicas. As bolsas não são integrais, mas podem ser complementadas com outras bolsas.

Curso de preparação para estudar fora tem bolsa para jovens de baixa renda

Não é só no Brasil: muita gente do mundo inteiro tem vontade de estudar nas univesidades de ponta dos Estados Unidos. Foi isso que motivou Ethan Sawyer a criar o College Essay Guy, um perfil dedicado a ajudar jovens durante a application. Conforme seu público foi crescendo, Sawyer alistou a ajuda de outrs profissionais, e então criou a Matchlighters Scholarship, que conecta jovens promissores a profissionais capazes de ajudá-los na preparação para estudar fora.

De acordo com Sawyer, a bolsa “conecta orientadores generosos e experientes a estudantes de baixa renda e alto potencial do mundo inteiro, para levar a oportunidade de entrar na universidade para aqueles que mais necessitam”. Os alunos contemplados pela bolsa receberão quatro horas de auxílio com seus essays e preparação geral para a application, e duas horas de ajuda para criar uma lista de universidades ideais de orientadores experientes.

Bolsas de Estudo para Pós-Graduação

Comissão Europeia dará quase €300 milhões em bolsas a pesquisadores experientes

Estão abertas as inscrições para as Individual Fellowships das Marie Skłodowska-Curie Actions. O programa, que aceita candidaturas até 11 de setembro, foi criado pela Comissão Europeia, o órgão executivo do bloco europeu. Ele apoia pesquisadores de qualquer lugar do mundo, e conta com um orçamento de €294,49 milhões para o ano de 2019.

O foco da iniciativa são áreas da ciência: Ciências Ambientais e Geociências, Ciências Biológicas, Ciências da Informação e Engenharia, Ciências Econômicas, Ciências Sociais e Humanidades, Física, Matemática e Química. A única restrição de temas refere-se à pesquisa sobre energia nuclear, contemplada por outros editais na Europa.

Schwarzman Scholars: Bolsas integrais para mestrado em inglês na China

Estão abertas até o dia 26 de setembro as inscrições para o programa Schwarzman Scholars, que oferece bolsas de estudo integrais para cursos de mestrado na Universidade de Tsinghua, localizada em Pequim e considerada a melhor universidade entre os países emergentes.

O mestrado tem a duração de um ano e é possível escolher entre três áreas de estudo: Políticas Públicas, Economia e Negócios, e Estudos Internacionais. Não é necessário ter formação prévia em nenhuma dessas áreas para concorrer, nem dominar mandarim, já que todas as aulas serão em inglês.

As bolsas de estudo cobrem todos os custos do mestrado e incluem também passagens áreas para a China, moradia, alimentação, seguro-saúde, um computador pessoal e uma quantia mensal para gastos pessoais de U$ 4.000. Todos os aprovados deverão morar no campus universitário de Tsinghua.

Stanford abre inscrições para programa de US$750 milhões em bolsas de pós-graduação

A Universidade Stanford oferece um programa de bolsas de estudo para seus cursos de pós-graduação, disponível para todas as áreas. O Knight-Hennessy Scholars disponibiliza um total de US$ 750 milhões em apoio financeiro – sendo o maior programa de bolsas já financiado por doações. As inscrições para as bolsas para Stanford vão até 09 de outubro.

As bolsas para Stanford cobrirá todas as despesas do estudante durante seu período de estudos em Stanford, incluindo os custos de anuidade da instituição; alojamento e alimentação dentro do campus; livros e equipamentos de pesquisa e estudos; seguro saúde; despesas de viagem de ida e volta para Stanford; transporte local e um valor para despesas pessoais.

Bolsas para mestrado em políticas públicas na Alemanha, do DAAD

O Programa Helmut-Schmidt, criado pelo Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD), oferece apoio para estudantes interessados em fazer mestrado em políticas públicas na Alemanha. São oito opções de cursos de mestrado na área e as inscrições devem ser feitas entre 1 de junho e 31 de julho.

De acordo com o DAAD, o objetivo do programa é “apoiar líderes do futuro (…) que querem promover democracia e justiça social em seus países”. As bolsas do programa Helmut-Schmidt são oferecidas desde 2009.

Bolsas de mestrado de €1.000 por mês na Universidade de Frankfurt

A Universidade de Frankfurt, na Alemanha, abriu inscrições para o programa “Goethe Goes Global”, que oferta bolsas de mestrado a alunos internacionais. A proposta é atrair jovens que tenham bom desempenho acadêmico e que se interessem por pesquisa. Para se inscrever às bolsas para a Universidade de Frankfurt, é necessário submeter a candidatura até 31 de agosto.

Os selecionados pela iniciativa recebem auxílio mensal de mil euros, durante os dois anos de duração do curso. As bolsas estão disponíveis para todos os programas de mestrado oferecidos pela Universidade de Frankfurt. Para concluir a formação, os alunos podem escolher entre redigir uma dissertação ou fazer um estágio supervisionado na unidade de pesquisa da universidade correspondente ao seu curso.

Universidade Johns Hopkins lança bolsa de mestrado em homenagem a Marielle Franco

A universidade estadunidense Johns Hopkins inaugurou recentemente a bolsa de estudos em homenagem a Marielle Franco, vereadora assassinada em março de 2018 no Rio de Janeiro. O apoio financeiro foi disponibilizado graças a uma doação anônima recebida em nome de Marielle.

O valor ainda não foi divulgado, mas o fato é que a bolsa vai custear parte das despesas do mestrado em relações internacionais com foco na América Latina. O curso faz parte do Programa de Estudos Latino-Americanos (LASP) da School of Advanced International Studies (SAIS) na Johns Hopkins. Candidatos a qualquer curso do SAIS da Johns Hopkins serão considerados para receber a bolsa Marielle Franco, desde que sua área de concentração na pesquisa sejam os estudos latino-americanos. A lista de cursos disponíveis pode ser acessada nessa página.

Inscrições abertas: bolsas integrais nos Estados Unidos para jovens líderes

A rede de organizações sem fins lucrativos Atlas Corps promove, todos os anos, edições de uma fellowship nos Estados Unidos. Trata-se de um programa voltado a jovens líderes que promovam mudança social em seus países de origem. Para se inscrever na edição de 2019, o prazo vai até dia 15 de agosto. A proposta é que os participantes fortaleçam suas habilidades de liderança, aprendam com líderes da rede e façam networking. Para isso, os líderes selecionados contam com apoio completo da instituição.

Durante 12 a 18 meses, trabalham em organizações parceiras e recebem auxílio financeiro para manutenção no país, que vai de US$ 1.628 a US$ 2.126 por mês (dependendo da cidade onde o fellow fica). Além disso, despesas com visto, seguro-saúde e passagens aéreas, bem como viagens relacionadas ao programa, estão cobertas.

Bolsa integral para mestrado na Austrália, em gestão hídrica

A Griffith University está com inscrições abertas para a International Water Centre (IWC) Scholarships. As bolsas integrais de mestrado na Austrália permitirão que dois estudantes cursem o mestrado em Gestão Hídrica Integrada oferecido pela universidade com todas as despesas pagas. As inscrições vão até 1 de agosto.

O valor total das bolsas de estudo é de AU$ 92.645 (cerca de R$ 257 mil na conversão direta). Elas cobrem todos os custos de estudo do programa de mestrado. Incluem também uma mesada de AU$ 2.250 (aproximadamente R$ 6.210) para ajudar o estudante a se manter na Austrália, e os custos de obtenção de visto e seguro saúde. Também cobrem as despesas com a passagem até a Austrália. Serão oferecidas duas bolsas, uma das quais será obrigatoriamente concedida a uma candidata.

Universidade de Lausanne oferece bolsas para mestrado na Suíça

Já pensou em fazer mestrado na Suíça? A Universidade de Lausanne está com inscrições abertas para bolsas de estudo da instituição. Há opções de cursos em francês e em inglês, e as inscrições podem ser feitas até o dia 1 de novembro. Para concorrer, os candidatos devem escolher um dos programas de mestrado oferecidos pela UNIL. Vale lembrar que alguns deles não são elegíveis: o Mestrado em Medicina, o Mestrado em Direito e o Mestrado em Educação.

A bolsa é de 1600 francos suíços (cerca de R$ 6.280) por mês, entre os meses de setembro e julho. Os selecionados também terão uma taxa reduzida de semestralidade para o mestrado na Suíça. Com isso, pagarão 80 francos suíços, em vez de 580.

Bolsas de até €2.750 por mês para pesquisa na Alemanha

A Alexander von Humboldt Foundation está recebendo inscrições para a German Chancellor’s Fellowship para líderes do amanhã. Trata-se de um programa de bolsas de pesquisa na Alemanha que tem o objetivo de recrutar jovens líderes do Brasil, China, Índia, Rússia e Estados Unidos que possam atuar como mediadores entre a Alemanha e seus países de origem no futuro. As inscrições vão até 15 de setembro.

Durante a fellowship, os bolsistas receberão mentoria individual de um mentor de sua escolha para desenvolver um projeto de pesquisa de um ano. Participarão também de uma study tour da Alemanha, passando por diversas instituições de ensino e eventos de networking com outros fellows e representantes de empresas e organizações alemãs. A fundação também apoia os fellows a manterem esse contato durante toda a sua carreira.

Bolsa de 5.000 libras por mês para pesquisa em Economia Internacional em Londres

A Chatham House, ONG sem fins lucrativos situada em Londres, está recebendo inscrições para o programa Dame DeAnne Julius Senior Academy Fellowship em Economia Internacional. O programa escolherá pesquisadores e trabalhadores da área de Economia Internacional para desenvolver pesquisa de nível de pós-graduação relacionada a esse tema e a governança global ao longo de dois meses.

Os selecionados pelo programa receberão bolsa de 5.000 libras por mês (sujeito a deduções de imposto do Reino Unido) para realizar sua pesquisa. Durante esse período, poderão trabalhar na própria Chatham House, localizada na área central de Londres. A bolsa não cobre as despesas de deslocamento do candidato selecionado. A avaliação das candidaturas será feita de maneira contínua, de forma que não há data limite para se inscrever. No entanto, a Chatham House incentiva as pessoas interessadas a se candidatarem o quanto antes.

Pesquisa na Austrália: Universidade de Sydney oferece bolsas para mestrado e PhD

A Universidade de Sydney recebe, todos os anos, pesquisadores do mundo todo para seus programas de mestrado e doutorado. Por meio de suas bolsas de estudo internacionais, a instituição oferece apoio financeiro para quem deseja desenvolver pesquisa na Austrália. As inscrições vão até 31 de agosto.

Vale lembrar que não há uma application separada para as bolsas de estudo. Os candidatos devem submeter seus dados e documentos exigidos por seu curso de escolha, para serem avaliados por uma série de critérios. Entre eles, estão o desempenho acadêmico na graduação e a experiência prévia em pesquisa. Como benefício, o programa cobre o valor da tuition e manutenção no país por um período de até três anos.

Site oferece bolsa de €5.000 para mestrado na Europa

Se você pensa em fazer mestrado na Europa e já quer se programar com antecedência, fique ligado. O site educations.com está oferecendo a Study a Master’s in Europe Scholarship, uma bolsa de mestrado na Europa no valor de €5.000 (cerca de R$ 22.000) para cursos que se iniciam no segundo semestre de 2020. As inscrições vão até 13 de abril de 2020.

O valor pode ser usado pelo bolsista para cobrir os custos de tuition de qualquer curso de mestrado de sua escolha na Europa. Como o valor é pago diretamente à universidade, ele não pode ser usado para outros fins. No entanto, a bolsa não tem cláusula de exclusividade: ou seja, você pode se candidatar a outra bolsa de mestrado na Europa para ajudar a custear seus estudos, se quiser.

Comissão Fulbright oferece bolsas para jovens pesquisadores nos EUA

A Comissão Fulbright divulgou recentemente mais uma oportunidade de bolsas de estudo para brasileiros que queiram estudar nos Estados Unidos. Dessa vez, são 10 bolsas para jovens pesquisadores de qualquer área de conhecimento. Com a bolsa, eles poderão realizar pesquisas, ministrar palestras e/ou apresentar cursos e seminários para pós-graduação em instituições dos EUA. As inscrições vão até 28 de julho!

As bolsas de estudo terão duração de três a quatro meses: de setembro a dezembro de 2020, ou de janeiro a maio de 2021. Os bolsistas que quiserem ficar quatro meses também poderão dividir o período em duas visitas de dois meses, com o primeiro começando em agosto ou setembro de 2020 e o segundo em janeiro ou fevereiro de 2021.

Programa de bolsas mais antigo do mundo seleciona estudantes para pós-graduação em Oxford

O programa de bolsas Rhodes está entre os mais prestigiados do mundo. Criada em 1902, a iniciativa serviu de base para outras bolsas – como a Fulbright e as bolsas Gates de Cambridge – e surgiu ainda no período do Império Britânico.

Entretanto, desde 2018 as bolsas Rhodes abrem inscrições para candidatos do mundo todo. Ao todo, serão 100 pessoas selecionadas e duas vagas específicas para quem vem de regiões não contempladas anteriormente – como é o caso do Brasil. Para se inscrever, é necessário submeter a candidatura até a data limite de 31 de julho.

Fulbright oferece bolsas para brasileiros darem aula de Português nos EUA

A Comissão Fulbright Brasil está com inscrições abertas para o programa Foreign Language Teaching Assistant (FLTA), que dá bolsas de estudo para professores brasileiros ensinarem português nos Estados Unidos. As inscrições vão até o dia 28 de julho e devem ser feitas pelo site da Fulbright Brasil.

Serão concedidas até 20 bolsas de estudo com duração de nove meses, com início em agosto e setembro de 2020. Os selecionados irão dar aulas em universidades norte-americanas e receberão auxílio moradia e alimentação, seguro-saúde e passagens áreas. Além disso, terão a oportunidade de realizar cursos sobre cultura e história dos EUA.

Bolsas integrais para MBA na Alemanha, do DAAD

Estão abertas até 1 de outubro as bolsas de estudo para MBA na Alemanha, como parte do programa EPOS, criado pelo Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD, na sigla em alemão). O EPOS foca cursos de pós-graduação no país que se relacionem ao desenvolvimento sustentável e, nesse caso, a formação oferecida pela Universidade de Leipzig dedica-se às pequenas e médias empresas.

A formação recebe o nome de SEPT, sigla que significa “Small Enterprise Promotion and Training” (ou, em tradução livre, “promoção e treinamento para pequenas empresas”). O programa foca em pequenas empresas, analisando casos de sucesso na Alemanha e as medidas que lhes renderam esse sucesso.

Governo canadense oferece 70 bolsas para pesquisa

O governo canadense está com inscrições abertas para o programa Banting Postdoctoral Fellowships. O programa contemplará 70 pesquisadores com uma bolsa de 70 mil dólares canadenses por ano (aproximadamente R$ 209.000), por até dois anos. As inscrições para as bolsas de pesquisa no Canadá vão até 18 de setembro!

O programa é voltado tanto para pesquisadores canadenses quanto estrangeiros. No caso dos pesquisadores estrangeiros (que é o que nos interessa), é necessário que a pesquisa seja realizada em uma instituição canadense. A escolha da instituição fica a cargo do candidato, e a bolsa contemplará pesquisadores nas áreas de humanas, exatas, biológicas e saúde.

68 Bolsas integrais para PhD em uma das escolas mais tradicionais da Itália

A Scuola Normale Superiore (SNS) está com inscrições abertas para bolsas integrais de PhD na Itália, tanto para estudantes italianos como para alunos internacionais. O processo seletivo é relativamente simples, e as inscrições serão recebidas até o dia 29 de agosto!

São oferecidas, no total, 68 bolsas de estudos nas seguintes áreas: Estudos Clássicos, Ciência de Dados, Ciências Políticas e Sociologia, Filosofia, Governança Transnacional, Filosofia, Física, Matemática, Matemática Financeira, Métodos e Modelos para Ciências Moleculares, Nanociência, Neurociência, Ciências Políticas e Sociologia.

Fulbright oferece 30 bolsas para doutorado sanduíche nos Estados Unidos

A Comissão Fulbright no Brasil abriu inscrições para seu programa de bolsas de estudo para doutorado sanduíche nos EUA. Todos os anos, 30 pesquisadores são selecionados pela organização para estudar nos Estados Unidos por nove meses. Para concorrer à edição deste ano, é necessário submeter a candidatura até 28 de julho.

A ideia é que estudantes de doutorado matriculados no Brasil embarquem para universidades dos EUA. Por lá, realizam parte de um programa de PhD na instituição, sem nenhum custo, e retornam ao Brasil para concluir sua pesquisa. Entretanto, para ser elegível ao doutorado sanduíche, o candidato deve estar em solo brasileiro durante o processo de seleção e não pode acumular mais de uma bolsa.

Os bolsistas receberão um valor mensal de US$ 1.375 a US$ 2.660 (R$ 5.470 a R$ 10.581 na cotação atual) para se manter no país. Receberão também um calor de US$ 2.000 (R$ 8.000) ao chegar lá, para auxiliar na acomodação, e até mais US$ 2.000 em auxílio financeiro para participar de eventos acadêmicos nos EUA (mediante aprovação prévia). As bolsas de estudo ainda oferecem orientação e custeio para o processo de emissão de visto, passagem aérea internacional e seguro de saúde.

Fulbright oferece bolsa integral para mestrado em cinema nos Estados Unidos

Seu sonho é conquistar uma bolsa para mestrado em cinema nos Estados Unidos? Graças à Comissão Fulbright, em parceria com a CAPES, este sonho está mais próximo. Estão abertas até o dia 14 de julho as inscrições para o programa Master in Fine Arts (MFA), que oferece uma bolsa para mestrado em roteiro de cinema nos Estados Unidos. Trata-se de uma modalidade de pós-graduação específica da área de cinema e audiovisual.

São concedidas até duas bolsas de estudo com duração de 21 meses, com início do programa a partir de agosto de 2020. O apoio financeiro inclui uma bolsa mensal, que varia de acordo com a cidade escolhida; todas as anuidades e taxas acadêmicas; um auxílio-instalação de US$ 1.000 (cerca de R$ 3.800), passagens de ida e volta para os Estados Unidos e seguro saúde. No total, a oportunidade oferece até US$ 100.000 (cerca de R$ 387.000) de apoio financeiro, segundo o edital.

Bolsas integrais de pós-graduação na Inglaterra para pessoas envolvidas com a causa LGBTQ+

A De Montfort University, na Inglaterra, está recebendo inscrições para as bolsas Global LGBTQ+ Allies Scholarship. Trata-se de bolsas integrais de pós-graduação na Inglaterra para pessoas que sejam capazes de demonstrar um forte envolvimento com o movimento LGBTQ+ e que se comprometam a contribuir para a segurança e o desenvolvimento da comunidade LGBTQ+ da universidade. As inscrições vão até 26 de julho.

Os bolsistas escolhidos poderão cursar qualquer um dos programas de pós-graduação de um ano de duração da universidade sem arcar com os tuition fees. Além disso, também receberão um valor de £1.015 (cerca de R$ 4.950 na cotação atual) por mês para auxiliar com despesas como moradia, alimentação e transporte. Saiba mais aqui.

Bolsas de pós-graduação na Áustria para mulheres na área de TI

Estão abertas as inscrições para o Helmut Veith Stipend, um programa de bolsas de pós-graduação na Áustria para mulheres da área de tecnologia da informação. As bolsas de estudo são voltadas para mulheres que queiram realizar um dos programas de mestrado em Ciências da Computação da Universidade Técnica de Vienna (TU Wien) ministrados em inglês. As inscrições vão até 30 de novembro.

As bolsistas selecionadas terão todos os custos de tuition cobertos. Receberão também um valor de €6.000 (cerca de R$ 26.100) por ano durante a duração do programa para auxiliar com o custo de vida em Vienna, na Áustria. Veja mais informações.

Governo de Singapura oferece bolsas para PhD e pesquisa

O Governo de Singapura abriu inscrições para bolsas para PhD nas áreas de Ciências Biomédicas, Engenharia e temas ligados às Ciências Físicas (como Química, Física e Astronomia), pelo programa Singapore International Graduate Award (SINGA). É possível se candidatar até 1 de dezembro para o programa voltado a alunos de doutorado, que tem início em maio de 2020.

A bolsa cobre integralmente os valores de anuidade por até quatro anos de duração do programa. Há ainda um valor mensal de cerca de 2 mil dólares (que aumenta para 2,5 mil depois que o candidato faz a qualificação), auxílio financeiro de mil dólares para instalação no país e 1.500 dólares para passagens aéreas. Saiba mais.

Governo do Canadá oferece 166 bolsas de estudo para doutorado no país

O Programa Vanier Canada Graduate Scholarships é promovido pelo governo do Canadá para incentivar estudos de doutorado no país. Anualmente, são oferecidas mais de 160 bolsas de estudo no valor de 50 mil dólares canadenses para estudantes das áreas de ciências sociais, humanas, ciências da natureza, engenharia e saúde.

As inscrições para a próxima edição vão até 6 de novembro. Já os cursos, por sua vez, começam em maio ou setembro de 2020. Veja aqui mais informações.

Universidade de Newcastle, na Austrália, oferece bolsas para mestrado e PhD

Um programa financiado pela Universidade de Newcastle e pelo Governo do Commonwealth oferece bolsas para mestrado e PhD na Austrália. São duas rodadas de candidatura por ano, e a próxima encerra inscrições em 1 de setembro.

A bolsa inclui um auxílio de custo anual de 27 mil dólares australiana, cobre o valor da anuidade da universidade e ainda oferece seguro saúde. Os benefícios têm duração máxima de quatro anos para doutorado e de dois anos para mestrado em pesquisa. Confira aqui a lista de PhDs e Mestrados oferecidos pela instituição.

Bolsas do DAAD para mestrado em Direito na Alemanha

O Munich International Property Law Center (MIPLC) está recebendo inscrições para bolsas de mestrado em Direito na Alemanha. As bolsas de estudo são oferecidas pelo serviço de intercâmbio alemão (DAAD), e as inscrições vão até 15 de outubro.

O curso, que seleciona 38 alunos anualmente, inclui discussões baseadas em Common Law e Civil Law, além de disciplinas como economia e administração de empresas, e é ministrado totalmente em inglês. O MIPLC, por sua vez, é um centro de pesquisa comandado por quatro instituições diferentes: o Max Planck Institute for Innovation and Competition, a Universidade de Augsburg, a Universidade Técnica de Munique e a George Washington University.

Os bolsistas escolhidos receberão um valor mensal de 750 a 1.000 euros durante os 12 meses de duração do curso. A bolsa também cobre despesas com passagem aérea e com seguro de saúde do bolsista na Alemanha. Saiba mais.

Bolsas para mestrado em ecologia na Alemanha, do DAAD

O serviço alemão de intercâmbio acadêmico (DAAD) está oferecendo até oito bolsas de estudo para mestrado na Alemanha, na área de ecologia e conservação. As bolsas são para o programa de mestrado em Ecologia da Paisagem e Conservação da Natureza (ou LENC na sigla em inglês) oferecido pela Universidade de Greifswald, no nordeste da Alemanha. As inscrições vão até 15 de dezembro.

As bolsas de estudo para mestrado na Alemanha do DAAD oferecem um valor mensal de €750 (cerca de R$ 3.300) e subsidiam os custos de estudo e pesquisa do candidato, além de suporte para a família do bolsista. Cobrem também as despesas com passagem aérea, seguro de saúde na Alemanha, e um curso de alemão de dois meses antes do início dos estudos (em agosto de 2020, segundo o edital).

DAAD oferece bolsas de mestrado em planejamento urbano na Alemanha

O Serviço alemão de intercâmbio (DAAD) está recebendo inscrições para bolsas de mestrado em planejamento urbano na Alemanha. As bolsas de estudo são para o programa de M.Sc. em “Regional Development Planning and Management” ministrado pela escola de planejamento espacial (SPRING) da TU Dortmund. As inscrições vão até 1 de outubro.

Os bolsistas selecionados receberão um valor mensal de €850 (cerca de R$) por mês para se manter durante a duração do curso. A bolsa também inclui seguro-saúde e passagem aérea de ida e volta para o Brasil.

Bolsas de MBA para mulheres em uma das melhores universidades da Suíça

Estão abertas até 30 de setembro as inscrições para bolsas de MBA para mulheres, no International Institute for Management Development (IMD), Localizado em Lausanne, na Suíça. Será concedida uma bolsa no valor de 25 mil francos suíços, equivalente a aproximadamente 95 mil reais.

A iniciativa surgiu em 1997, quando ex-alunos do instituto uniram-se para estimular a presença feminina na escola suíça. Por isso, o foco são as candidatas de países em desenvolvimento, como é o caso do Brasil.

Mulheres no futebol: bolsas integrais para MBA em Indústria do Futebol na Universidade de Liverpool

A Universidade de Liverpool está oferecendo duas bolsas integrais para mulheres para seu programa de MBA em Football Industries. O programa é voltado para formar profissionais capaz de atuar na gestão e administração de clubes e outras organizações focadas no futebol, e as bolsas, segundo a universidade, visam ampliar a presença de mulheres no futebol — não só dentro do campo. As inscrições vão até 31 de julho.

A bolsa cobre integralmente os custos de tuition do programa, que variam de £16.500 a £23.500 (de R$ 80.900 a R$ 115.250, aproximadamente). No entanto, as bolsistas ainda precisarão arcar com as despesas de passagem aérea e com o custo de vida na cidade de Liverpool durante a duração do programa. Confira aqui mais informações.

10 bolsas integrais para pós-graduação e pesquisa na Austrália

Universidade de Flinders, universidade pública localizada em Adelaide, na Austrália, está com inscrições abertas para suas Bolsas Internacionais de Pesquisa em Pós-Graduação. Como parte do Australian Government Research Training Program (AGRTP) Scholarship, serão oferecidas até 10 bolsas para pós-graduação na Austrália. as inscrições vão até 9 de agosto.

As bolsas para pós-graduação na Austrália do programa têm duração de até três anos e cobrem todos os custos de anuidade da instituição, além de um auxílio no valor anual de 27.596 mil dólares australianos (cerca de R$ 74 mil). Gastos do candidato com passagens aéreas também poderão ser reembolsados, e os bolsistas receberão um auxílio instalação de até 1.485 dólares australianos (R$ 4.000 aproximadamente) ao chegar no país. Saiba mais.

Fundo oferece bolsa de £120.000 para mestrado em saúde pública

A Wellcome Trust, uma instituição de pesquisa voltada para a saúde pública, está com inscrições abertas para seu programa International Master’s Fellowships. As bolsas de mestrado em saúde pública apoiarão jovens pesquisadores da área de saúde pública, clínicos ou não, a realizar um mestrado sobre temas importantes de saúde pública para países de renda baixa ou média. As inscrições vão até 30 de agosto.

No total, as bolsas de estudo têm um valor de £120.000 (cerca de R$591.800) para 30 meses de duração. Desses 30 meses, 12 deverão ser dedicados a um “taught master’s degree” (um programa de mestrado focado em aulas) e os outros 18 dedicados a um projeto de pesquisa. Os 12 primeiros meses podem ser realizados em qualquer instituição de ensino superior do mundo; os demais 18 meses, no entanto, devem ser focados num país de renda baixa ou média, incluindo o Brasil. A lista completa de países considerados de renda baixa ou média pela Wellcome pode ser vista aqui.

EXTRA

Universidade de Georgetown oferece bolsa para programa de liderança

Estão abertas as inscrições para a edição de 2019 do Programa de Liderança para Competitividade Global, o GCL. A iniciativa leva líderes locais, que atuem no setor público, empresarial ou social, para um programa de dez semanas de duração em Washington D.C., nos Estados Unidos. As inscrições podem ser feitas até 12 de agosto.

A iniciativa consiste em uma série de cursos e visitas a instituições localizadas na capital americana como o Congresso e a Casa Branca. Durante o período do curso, que vai de 27 de janeiro a 02 de abril de 2020, os participantes têm a chance de discutir ideias com figuras públicas e especialistas de diversas áreas.

As bolsas de estudo ofertadas contemplam gastos como acomodação, materiais do curso, seguro médico e passagens aéreas de ida e volta para os Estados Unidos. Cabe ao estudante arcar com os custos do visto americano e da própria alimentação durante as dez semanas.

Bolsas de intercâmbio de 2 meses na Itália para alunos do ensino médio

A organização AFS Brasil está recebendo inscrições para bolsas de intercâmbio de dois meses na Itália, para alunos do ensino médio. Os estudantes selecionados passarão dois meses (com embarque previso para 13 de dezembro de 2019) na Itália, estudando no ensino médio em um colégio de lá. As inscrições vão até 28 de julho.

A bolsa inclui hospedagem e alimentação em casa de família, colocação em escola italiana, transporte casa-escola, livros escolares, seguro médico e atividades de orientação. Candidatos da região de Minas Gerais ainda terão direito a passagem aérea nacional e internacional e despesas para obtenção de visto; para os demais candidatos, será necessário arcar com esses custos.

Bolsas para cursar ensino médio no exterior

O programa do UWC oferece a jovens brasileiros, anualmente, a oportunidade de fazer o ensino médio no exterior. Os United World Colleges (UWC) são colégios internacionais localizados em diversos países, com a missão de promover a paz e a compreensão entre os povos por meio da educação. As inscrições deste ano para os UWC estão abertas até 28 de julho.

Para se candidatar, é necessário ter entre 15 e 18 anos, e estar no primeiro ou no segundo ano do Ensino Médio. Até o dia 13 de julho, o valor da inscrição é de 100 reais e então, até o dia 28, fica em 120 reais. Veja aqui o cronograma completo de inscrições.

Bolsas para cursos curtos de aperfeiçoamento profissional em Israel

A Oraganização dos Estados Americanos (OEA) está oferecendo 500 bolsas de estudo para cursos curtos de aperfeiçoamento profissional em Israel, no Galilee International Management Institute (GIMI). Os cursos têm duração de 12 a 14 dias e começam entre julho e dezembo de 2019, dependendo do curso. As inscrições vão até dezembro.

Há cursos disponíveis sobre diversos temas, desde gestão de recursos humanos até inovações bancárias e estratégias financeiras. Um calendário completo dos cursos disponíveis no segundo semestre pode ser visto aqui. Em todos os casos, as bolsas de estudo cobrem integralmente os tuition fees dos cursos, que chegam cerca de US$ 3.000 (R$ 11.600). O estudante aidna terá que arcar com despesas de acomodação, alimentação e transporte, no entanto.

 

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d