Um Projeto: Fundação Estudar
cidade ideal para estudar fora

Descubra qual a cidade ideal para estudar fora

Por Priscila Bellini

Não existe fórmula mágica para determinar qual a cidade ideal para estudar fora durante um intercâmbio, uma graduação ou pós. Entram na lista de fatores a serem levados em conta tanto a moeda local quanto as preferências do estudante quanto à universidade de interesse.

O melhor caminho, portanto, é conhecer bem o destino e ficar atento aos detalhes e reunir o máximo de informação antes de fazer a escolha. Saber bem os objetivos buscados com o intercâmbio e refletir sobre isso, um exercício de autoconhecimento, é essencial. Para isso, conheça alguns dos destinos mais procurados e suas características.

Cidade ideal para estudar fora: Paris

A capital francesa é ideal para quem deseja estudar fora. Já foi eleita a melhor cidade do mundo para estudantes pelo QS Ranking, graças às suas renomadas universidades e também à qualidade de vida que oferece a seus habitantes. Paris possui um espaço chamado “Cité internationale universitaire” (CIUP), uma fundação privada dedicada ao acolhimento de estudantes, pesquisadores, artistas e atletas de mais de 140 países. A primeira casa foi inaugurada em 1925 e a “cité” acolhe, hoje,mais de 10.000 pessoas nas suas 40 casas.

Universidades em Paris

São 16, ao todo, só na cidade das luzes. Entre elas, estão a Universidade Paris-Sorbonne, o Sciences Po, a Escola Normal Superior de Paris e a Cordon Bleu.

Na edição de 2017 do QS Ranking, Paris ficou em segundo lugar entre as melhores cidades para estudar fora.

Famosos que estudaram em Paris

A lista de artistas, filósofos e estudiosos que passaram pela capital francesa é longa. A cientista Marie Curie, que foi laureada duas vezes com o Prêmio Nobel, a filósofa Simone de Beauvoir, o antropólogo Claude Lévi-Strauss e o cineasta Jean-Luc Godard passaram por universidades em Paris.

Perguntas para saber se essa é cidade ideal para você

Chá ou café? Café

Romântico ou realista? Romântico

Cidade ideal para estudar fora: Buenos Aires

Depois do inglês, o espanhol é língua que os estudantes mais querem aprender no exterior. E a Argentina o segundo país mais procurado para isso, atrás da Espanha: afinal, as universidades argentinas estão logo ali. A capital do país, Buenos Aires, oferece vida cultural agitada, com festas e centros culturais à disposição. Com a moeda argentina desvalorizada em relação ao real, fica mais fácil planejar um intercâmbio por lá. Outra facilidade é a grande opção de habitação, que pode variar de repúblicas a flats, passando por apartamentos alugados por temporada.

Universidades em Buenos Aires

A Universidade de Buenos Aires é a principal instituição da cidade, que fica na frente nos rankings internacionais. Há também a Universidade de Palermo, a Pontificia Universidad Católica Argentina e a Universidad Nacional de las Artes.

Na edição de 2017 do QS Ranking, Buenos Aires ficou na posição 42, entre as melhores cidades para estudar fora.

Famosos que estudaram em Buenos Aires

Nomes importantes passaram pela capital argentina. Che Guevara estudou medicina na Universidade de Buenos Aires, e o escritor Julio Cortázar também, assim como o bioquímico César Milstein.

Perguntas para saber se essa é cidade ideal para você

Cantarolar a sua música favorita ou investir nos seus melhores passos de dança? Dançar.

Bar ou pub? Bar.

Cidade ideal para estudar fora: Tóquio

Além de excelência universitária, o Japão oferece uma riqueza cultural difícil de ser encontrada. Em uma metrópole do porte de Tóquio, ainda mais. Viver na cidade tem pontos negativos, como o alto custo de vida, mas há opções de moradia mais afastadas do centro. Para dar conta da barreira idiomática, as universidades mais renomadas oferecem cursos completos de pós-graduação em inglês e cursos de japonês para alunos estrangeiros.

Universidades em Tóquio

A principal instituição localizada na capital japonesa é a Universidade de Tóquio, que possui três campi (Hongo, Komaba e Kashiwa) e tem nome de destaque nos rankings universitários. Entram para a lista de universidades em Tóquio a Universidade de Waseda e a Universidade Meiji.

Na edição de 2017 do QS Ranking, Tóquio ficou em sétimo lugar, entre as melhores cidades para estudar fora.

Famosos que estudaram em Tóquio

Dos 23 japoneses que levaram o Prêmio Nobel, nove deles vieram da Universidade de Tóquio. Entre eles, estão o biólogo Yoshinori Ohsumi, o escritor Yasunari Kawabata e o químico Ei-ichi Negishi.

Perguntas para saber se essa é cidade ideal para você

Karaokê ou show? Karaokê.

Café ou chá? Chá.

Cidade ideal para estudar fora: Melbourne

Melbourne é conhecida como a capital cultural da Austrália. Lá, é possível conferir um pouco da história do país e uma variedade de museus e teatros, além dos famosos Aquário de Melbourne e Jardim Botânico.  A cidade australiana situa-se à beira do mar e possui belas praias e portos. É possível morar nas residências estudantis construídas perto do campus – complexos que são chamados localmente de “Villages”. Em matéria de estrutura urbana, Melbourne se dá bem, contando com um excelente sistema de transporte público.

Universidades em Melbourne

Melbourne é a maior cidade universitária da Austrália – há cerca de 270 mil estudantes e mais de um terço deles (91 mil) são internacionais. Ao todo, a cidade abriga 8 universidades. Entre elas, estão a Universidade de Melbourne e a Universidade Monash.

Na edição de 2017 do QS Ranking, Melbourne ficou em quinto lugar entre as melhores cidades para estudar fora.

Famosos que estudaram em Melbourne

Entre os acadêmicos e profissionais que estudaram em Melbourne, estão o filósofo Peter Singer, a política Julia Gillard e o ex-primeiro ministro australiano Harold Holt.

Perguntas para saber se essa é cidade ideal para você

Surfe ou beisebol? Surfe.

Bar ou pub? Pub.

Cidade ideal para estudar fora: Boston

Considerada um dos hubs intelectuais do mundo, a capital do estado de Massachusetts é um destino cobiçado para quem quer estudar fora. A cidade destaca-se no cenário internacional por abrigar em sua região metropolitana nada menos que 60 universidades. Por ser plana e com ciclovias em todos os lugares, Boston encoraja ainda mais os ciclistas. Para ter uma ideia, o número de bicicletas é quase o dobro do número de veículos registrados na cidade. Mas nem tudo são flores, já que gastos com aluguéis e seguro saúde costumam ser salgados.

Universidades em Boston

Não faltam opções de estudo em Boston e na sua vizinha, Cambridge. Os dois principais nomes são a Universidade Harvard e o Massachussetts Institute of Technology (MIT). Também há instituições como a Boston University, a Tufts University, a University of Massachusetts Amherst, Northeastern University e o Babson College

Na edição de 2017 do QS Ranking, Boston ficou em oitavo lugar entre as melhores cidades para estudar fora.

Famosos que estudaram em Boston

Entre os nomes de destaque que passaram na cidade estão o ativista político Martin Luther King Jr., as atrizes Julianne Moore e Uzo Aduba e a astronauta Catherine Coleman.

Perguntas para saber se essa é cidade ideal para você

Surfe ou beisebol? Beisebol.

Donut ou croissant? Donut.

Cidade ideal para estudar fora: Londres

Não é à toa que a capital britânica seja um dos destinos favoritos para quem deseja estudar fora. O fato de a cidade abrigar algumas das melhores universidades do globo e ser um importante centro financeiro e cultural a torna atraente para pessoas com os mais variados perfis. A cada ano, dezenas de milhares de jovens mudam-se para lá em busca das universidades, escolas de negócios, institutos médicos, de arte, design e muito mais, aumentando significativamente a economia da capital. O  transporte é um ponto positivo da cidade. São mais de 400 km de metrô, o que significa que a cada 100 ou 200 metros você encontra uma estação.

Universidades em Londres

São muitas as opções na capital londrina. Entre elas, estão o Imperial College London, a London School of Economics and Political Science e King’s College London.

Na edição de 2017 do QS Ranking, Londres ficou em terceiro lugar entre as melhores cidades para estudar fora.

Famosos que estudaram em Londres

A lista de famosos que passaram por Londres enquanto estudantes é longa. O presidente americano John F. Kennedy, o cantor Mick Jagger e o economista Thomas Piketty estão entre os nomes conhecidos.

Perguntas para saber se essa é cidade ideal para você

Karaokê ou show de música? Show.

Café ou chá? Chá.

Quer saber tudo sobre como fazer intercâmbio? Confira o guia gratuito!

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo