Inicio Curso de verão em Yale oferece bolsa para estudantes do Ensino Médio

Curso de verão em Yale oferece bolsa para estudantes do Ensino Médio

0
Curso de verão em Yale oferece bolsa para estudantes do Ensino Médio
Participantes do Yale Young Global Scholars

Universidade Yale, considerada a 8ª melhor universidade do mundo pelo World University Ranking oferece bolsas de necessidade financeira para estudantes do ensino médio que sejam aceitos para participar do programa Yale Young Global Scholars (YYGS), um curso de verão em Yale. As inscrições vão até até o dia 12 de janeiro pelo site.

O YYGS é um curso de duas semanas que reúne jovens do ensino médio do mundo todo para estudar assuntos como ‘Política, Direito e Economia’ e Empreendedorismo. A taxa de inscrição para o programa é de 75 dólares, e o custo total do YYGS é de US$ 6.500 (incluindo gastos com alimentação e acomodação), e as bolsas podem cobrir até 100% desse valor, incluindo a taxa de inscrição.

Para isso, no momento da inscrição, o estudante deve sinalizar que deseja concorrer às bolsas. O Yale Young Global Scholars 2021 acontecerá em três sessões de cerca de 12 dias cada. Elas serão de 21 de junho a 3 de julho, de 5 a 17 de julho e de 19 a 31 de julho. O estudante pode escolher de qual sessão gostaria de participar e, dentro de cada uma, pode escolher entre os seguintes programas:

Clique nos links acima para saber mais sobre cada um dos programas disponíveis.

Como se inscrever para o curso de verão em Yale

Podem se candidatar ao Yale Young Global Scholars Program estudantes do ensino médio que tenham pelo menos 16 anos de idade em 19 de julho de 2021, e que tenham frequentado escolas brasileiras pela maior parte da vida.

Os estudantes devem ter expectativa de se formar no ensino médio até dezembro de 2022, e comprovar ser de uma família de baixa renda. Todo o processo de seleção será em inglês e os interessados em participar da seleção precisam ter bons conhecimentos no idioma. Não há restrições em relação a estudantes de escolas privadas, mas será preciso enviar documentos que demonstrem a situação financeira da família.

As candidaturas podem ser feitas por meio deste link. Para completá-las, os candidatos devem submeter documentos como histórico escolar, lista de atividades extracurriculares, essays e outras redações exigidas pela universidade. Devem também enviar o contato de duas pessoas que possam escrever cartas de recomendação. Não é necessário enviar comprovante de proficiência em inglês, mas o documento pode fortalecer a candidatura. São aceitos o TOEFL e o Duolingo English Test.

A lista de documentos exigidos pode ser vista neste link, e é possível ver aqui um exemplo de candidatura completa. As inscrições vão até 12 de janeiro de 2021, mas é possível (e preferível) candidatar-se no período de Early Action até 10 de novembro de 2020.

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo:

Leia