Inicio 7 personalidades negras que estudaram nas melhores universidades do mundo

7 personalidades negras que estudaram nas melhores universidades do mundo

0
7 personalidades negras que estudaram nas melhores universidades do mundo

Entrar nas melhores universidades do mundo sempre é um processo concorrido. Mas estudantes negros, além das dificuldades tradicionais das candidaturas, também precisam enfrentar racismo institucional em diversas instâncias da sociedade. Avanços nos séculos 19 e 20 amenizaram (mas estão longe de eliminar totalmente) esse problema. E apesar desse obstáculo adicional, muitas personalidades negras ingressaram nessas instituições e usaram os saberes de lá para criar obras notáveis e transformar radicalemente sua sociedade.

São algumas dessas personalidades que pretendemos homenagear no Dia da Consciência Negra de 2020. A lista a seguir inclui desde artistas e intelectuais até ativistas políticos que ajudaram a ampliar nosso entendimento sobre as injustiças da sociedade e a criar o mundo em que vivemos atualmente. Destacamos, para cada um, tanto as suas conquistas e realizaçãoes quanto a sua trajetória de estudos. Confira:

7 personalidades negras que estudaram nas melhores universidades do mundo

Aimé Césaire

Aimé Césarie

Nascido na Martinica, Aimé Césaire foi um poeta, ensaísta e ativista político em língua francesa. Denunciou o colonialismo racista francês na Martinica e na Argélia, e foi um dos fundadores do movimento négritude de crítica literária. Sua obra Discurso Sobre o Colonialismo de 1950 criticou a ideia de que a colonização era uma maneira de levar a “civilização” a outros povos e expôs suas motivações econômicas e racistas.

De origem humilde, Césaire se formou no ensino médio em Fort-deFrance, a capital da Martinica, e ganhou uma bolsa para seguir seus estudos em Paris. Mais tarde, ingressou na École Normale Supérieure, uma das melhores do país até hoje. A universidade foi um dos breços de suas produções intelectuais: lá mesmo, ele se uniu a outros estudantes negros para criar uma revista de crítica literária que amadureceria na sua nova teoria.

Daveed Diggs

daveed diggs

Se você já viu a versão da Broadway do musical Hamilton, então você já viu o Daveed Diggs. Se já assistiu à série Expresso do Amanhã, também com certeza já o avistou no papel de Andre Layton. E se ouviu alguma música do grupo clipping., também já o ouviu cantar. O talentos ator e rapper estadunidense esteve presente em inúmeras produções culturais nos últimos anos, muitas delas estrondosos sucessos de público e crítica.

Ele nasceu em Oakland, na Califórnia, filho de um motorista de ônibus e de uma assistente social. Fez ensino médio na Berklee High School e depois formou-se em artes cênicas na Universidade Brown, onde estudou com bolsa por seu desempenho em atletismo — enquanto estudava lá, ele também teve por algum tempo o recorde de tempo na corrida de 110 metros com obstáculos.

W.E.B. Dubois

W. E. B. Du Bois

Um dos principais ativistas negros do século 19 e do começo do seculo 20, William Edward Burghardt Du Bois nasceu em 1868 no estado de Massachusetts, nos EUA. W. E. B. Du Bois é mais conhecido atualmente por ter sido um dos fundadores da National Association for the Advancement of People of Color (NAACP) em 1909. .

Ele fez sua graduação na Fisk University, uma “historically black university” no Tennessee, e lá teve seu primeiro contato com o racismo do sul dos Estados Unidos. Depois, foi para Harvard, onde fez novamente a graduação, já que a instituição não reconheceu seus créditos da Fisk University. Fez mestrado com bolsa na Universidade de Berlin e depois voltou para Harvard, tornando-se o primeiro homem negro a conquistar um doutorado da instituição.

bell hooks

bell hooks - pensadores negros

bell hooks (em minúsculas mesmo) é o nome usado pela autora Gloria Jean Watkins em seus livros. Com mais de 30 livros publicados, ela já escreveu sobre temas como pedagogia engajada, gênero e comunidades. Em seu livro “Feminismo é para todos”, ela se consolidou como uma das principais defensoras da noção de feminismo como o fim da opressão e exploração baseada em gênero.

Filha de um zelador e de uma dona de casa, ela se formou no ensino superior em Stanford em 1973. Seguiu estudando e mais tarde conquistou o mestrado na Universidade de Wisconsin-Madison em 1976, e posteriormente o doutorado na University of California, Santa Cruz em 1983.

Toni Morrison

Toni Morrison

A autora e professora Toni Morrison teve seu trabalho reconhecido com uma série de prêmios, incluindo o Pulitzer pelo livro Amada (em 1987) e um prêmio Nobel da Literatura em 1993. O próprio ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, laureou Morisson com a Presidential Medal of Freedom (uma das maiores honrarias que o governo estadunidense oferece) em 2012.

Morrison se formou em língua e literatura inglesa na Howard University em 1953. Logo em seguida, ingressou na Cornell University e, em 1955, conquistou o mestrado pela instituição com uma tese sobre Virginia Woolf e William Faulkner. Mais tarde, ela também se tornaria professora, lecionando na State University of New York e na Rutgers University.

Kwame Nkrumah

kwame nkrumah

NAscido em 1909 em uma família pobre e analfabeta na Costa do Ouro Britânica, Kwame Nkrumah se tornaria mais tarde um dos responsáveis por conquistar a independência do seu país, que passaria em 1957 a ser conhecido pelo nome de Gana. Nkrumah foi um importante ativista político que lutou pela liberdade da região, militou a favor do pan-africanismo criando a Organização da Unidade Africana e foi o primeiro presidente e primeiro-ministro de Gana.

Nkrumah estudou em colégios de missões católicas no começo de sua vida, e foi para os Estados Unidos aprofundar sua educação. Fez a graduação na Lincoln University e o mestrado em Filosofia e Educação na University of Pennsylvania. Mais tarde, foi também para Londres, onde passou pela London School of Economics e pela University College London antes de voltar ao seu país para organizar sua independência.

Shonda Rhimes

Shonda Rhimes

Shonda Rhimes é a produtora, roteirista e criadora de diversas séries populares, como Grey’s Anatomy, How to Get Away With Murder e Scandal. Além de imenso sucesso de público, as séries nas quais ela trabalhou foram reconhecidas com importantes prêmios da indústria estadunidense, como o Director’s Guild of America Award.

Natural de Chicago, nos EUA, Rhimes fez o ensino médio na Marian Catholic High School e depois foi estudar na Dartmouth College, uma das universidades que compõem a Ivy League. Concluiu a graduação em Inglês e Estudos de Cinema em 1991, e depois fez mestrado em Roteiro na USC School of Cinematic Arts.

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo:

Leia