Um Projeto: Fundação Estudar
Universidade de Hampton - Universidades historicamente negras

As melhores universidades historicamente negras dos EUA

Por Gustavo Sumares
23.05.2019

As universidades historicamente negras dos EUA ainda hoje tem um papel importante de garantir acesso ao ensino superior ao maior número possível de jovens afrodescendentes. Confira as 11 melhores.


Você já deve ter visto o vídeo abaixo (e, se não viu, vale a pena ver). Nele, o investidor e filantropo Robert F. Smith anuncia aos formandos da Morehouse College, uma das universidades historicamente negras dos EUA, que vai quitar as dívidas estudantis deles. Segundo a Vox, o montante exato doado pela família de Smith deve ficar na casa de US$ 40 milhões. A reação dos alunos ao descobrir que não vão se formar com uma dívida enorme para pagar é bem emocionante.

O Morehouse College é uma das HBCUs dos Estados Unidos. HBCUs é uma sigla que significa “Historically Black Universities and Colleges”. Ou, em tradução livre, “universidades e faculdades historicamente negras”. De acordo com o ThoughtCo, essas instituições, via de regra, foram fundadas com o objetivo de dar mais oportunidades de ensino superior a estudantes afro-americanos.

Por causa do segregacionismo, muitas universidades dos EUA não aceitavam alunos negros até muito tempo depois da abolição da escravidão. Muitas delas foram fundadas pouco depois da Guerra Civil dos EUA (ou Guerra de Secessão, que durou de 1861 a 1865). No entanto, como ainda hoje a população negra dos EUA é afetada de maneira desproporcional por problemas sociais, a missão das HBCUs continua relevante.

O ThoughtCo fez também uma lsita com as 11 melhores universidades historicamente negras dos EUA. Para selecioná-las, ele avaliou ofertas de cursos de 4 a 6 anos de duração, taxas de formação e retenção, além de seu “valor acadêmico geral”. Elas estão apresentadas em ordem alfabética, já que não faria sentido compará-los, pois há instituições de porte e foco muito diferentes nesse grupo. Confira:

Claflin University

Fundada em 1869, a Claflin University é uma das universidades historicamente negras mais antiga do estado da Carolina do Sul. Ela tem um programa forte de apoio financeiro, e quase todos os seus alunos recebem algum tipo de suporte nesse sentido. Ela não é tão difícil de se entrar quanto outras nessa lista, mas a taxa de aceite é de 42%, o que significa que os candidatos ainda precisam demonstrar sua capacidade de contribuir para a comunidade do campus e de ter sucesso acadêmico.

  • Localização: Orangesburg, Carolina do Sul
  • Tipo: universidade privada de liberal arts afiliada à igreja metodista
  • Matriculados: 1.978 (1.905 na graduação)

Florida A & M

A Florida Mechanical and Agricultural University é uma das apenas duas universidades públicas nessa lista. Ela ganha pontos por formar afro-americanos nas áreas de ciências exatas e biológicas e engenharia, embora também ofereça muito mais do que isso. Negócios, Jornalismo, Direiro Penal e Psciologia estão entre os majors mais populares. Os estudantes têm o apoio de uma razão 15:1 de alunos para professores. E o campus fica bem perto da Florida State University.

  • Localização: Tallahassee, Florida
  • Tipo: universidade pública
  • Matriculados: 9.619 (7.769 na graduação)

Hampton University

Hampton University

Localizada num belo campus no sudeste da Virgínia, a Hampton university pode se gabar de uma taxa de 13:1 de alunos para professores, além de ter uma equipe atlética da primeira divissão da NCAA. A universidade foi fundada em 1868 pouco depois da Guerra Civil dos EUA. Programas acadêmicos nas áreas de Biologia, Negócios e Psicologia estão entre os mais puplares.

  • Localização: Hampton, Virginia
  • Tipo: universidade privada
  • Matriculados: 4.646 (3.863 na graduação)

Howard University

A Howard university tipicamente é avaliada entre as melhores universidades historicamente negras, e ela certamente tem os padrões mais elevados de admissão, uma das maiores taxas de formação, e a maior verba. Também é uma das HBCUs mais caras, mas três quartos dos candidatos recebem auxílio financeiro, com um auxílio médio de mais de US$ 20.000. E a taxa de alunos para professores é de 8:1.

  • Localização: Distrito de Columbia
  • Tipo: universidade privada
  • Matriculados: 8.966 (5.899 na graduação)

Johnson C. Smith University

Biddle Memorial Hall da Johnson C. Smith university

A Johnson C. Smith University faz um bom trabalho educando e formando alunos que nem sempre estão bem preparados para a faculdade quando entram. Ela recebe pontos por sua infraestrutura de tecnologia, e foi a primeira das universidades historicamente negras a dar um laptop a cada um de seus alunos. Os estudantes têm o apoio de uma taxa de alunos para professores de 11:1, e os programas mais populares incluem Criminologia, Serviço Social e Biologia.

  • Localização: Charlotte, Carolina do Norte
  • Tipo: universidade privada
  • Matriculados: 1.428 (1.326 na graduação)

Morehouse College

A faculdade mostrada no vídeo acima tem diversos diferenciais, incluindo ser uma das únicas universidades apenas para homens nos Estados Unidos. Ela normalmente fica entre as melhores universidades historicamente negras, e os seus pontos positivos em liberal arts e ciências lhe renderam a honraria Phi Beta Kappa, uma das mais prestigiadas dos EUA.

  • Localização: Atlanta, Georgia
  • Tipo: faculdade de liberal arts privada apenas para homens
  • Matriculados: 2.108 (todos na graduação)

North Carolina A & T

A North Carolina Agricultural and Technical State University é uma das 16 instituições do sistema da Universidade da Carolina do Norte. É uma das maiores universidades historicamente negras e oferece mais de 100 programas de graduação com uma taxa de 19 alunos por professor. Os majors mais populares vão das áreas de ciências exatas, biológicas e sociais a negócios e engenharia. A universidade tem um campus principal de 200 acres, além de uma fazenda de 600 acres.

  • Localização: Tuskegee, Alabama
  • Tipo: universidade pública
  • Matriculados: 11.177 (9.668 na graduação)

Spelman College

Spelman College

O Spelman College tem a taxa mais elevada de formação dentre as universidades historicamente negras, e essa faculdade apenas para mulheres também ganha pontos por mobilidade social – os formandos da Spelman tendem a ter conquistas impressionantes em suas vidas. Entre os ex-alunos famosos estão a escritora Alice Walker, a cantora Bernice Johnson Reagon, e inúmeras advogadas, musicistas, empresárias e atrizes de sucesso. A taxa de alunos por professor é de 11 para 1, e cerca de 80% dos estudantes recebem apoio financeiro. A faculdade é seletiva, e apenas cerca de um terço dos candidatos é aceito.

  • Localização: Atlanta, Georgia
  • Tipo: faculdade de liberal arts privada apenas para homens
  • Matriculados: 2.108 (todos na graduação)

Tougaloo College

O Tougaloo College manda bem em termos de acessibilidade: ele tem um preço relativamente baixo, e mesmo assim quase todos os alunos recebem auxílio financeiro significativo. Biologia, comunicação em massa, psicologia e sociologia estão entre os majors mais populares, e os alunos contam com uma taxa de 11 estudantes por professor. A faculdade se descreve como “relacionada à igreja, mas não controlada pela igreja”, e mantém sua afiliação religiosa desde sua fundação em 1869.

  • Localização: Tougaloo, Mississippi
  • Tipo: faculdade de liberal arts privada afiliada à United Church of Christ
  • Matriculados: 860 (843 na graduação)

Tuskegee University

Tuskegee University

A Tuskegee University tem diversos motivos para ser famosa: ela abriu suas portas sob a liderança do educador e líder afro-americano Booker T. Washington, e tem entre seus ex-alunos Lionel Richie e Ralph Ellison. Ela também foi a base dos Tuskegee Airmen durante a 2a Guerra Mundial. Atualmente ela tem força nas áreas de ciências, negócios e engenharia. São 14 alunos por professor, e quase 90% dos estudantes recebem algum tipo de apoio financeiro.

  • Localização: Tuskegee, Alabama
  • Tipo: universidade privada
  • Matriculados: 2.851 (2.393 na graduação)

Xavier University of Louisiana

A Xavier University of Louisiana é a única HBCU nos EUA afiliada à igreja católica. Ela é forte nas áreas de ciências, e tanto biologia quanto química estão entre os majors mais populares. Ela tem um foco de liberal arts também, e 14 alunos por professor.

  • Localização: New Orleans, Louisiana
  • Tipo: universidade de liberal arts privada afiliada à igreja católica romana
  • Matriculados: 2.997 (2.248 na graduação)

 

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d