Conheça a Universidade Brown, uma das mais antigas dos Estados Unidos

Universidade Brown University

Primeira universidade dos EUA a aceitar estudantes sem discriminar por religião, a Universidade Brown é uma das mais antigas e tradicionais do país. Também é uma das mais seletivas: apenas cerca de 7% dos candidatos que aplicaram para a turma que teve início na metade de 2019 na Brown University foram aprovados.

Mas como frequentemente acontece com as instituições seletivas, ela também promove excelência entre seus alunos. Já passaram pela universidades oito vencedores de prêmios Nobel, além de inúmeros artistas, pesquisadores e executivos de destaque. Confira a seguir tudo que você precisa saber sobre a Brown University!

História da Brown University

Localizada na histórica cidade de Providence, no menor estado dos EUA, (Rhode Island), Brown University foi fundada em 1764. Isso faz dela a sétima faculdade mais antiga dos Estados Unidos. Ela também é integrante da Ivy League, associação das oito instituições de ensino superior mais prestigiadas do país.

O nome da instituição vem da família Brown, que foi essencial nos primeiros anos da universidade. Moses Brown, Nicholas Brown Junior e outros membros da família foram os que fizeram a instituição se estabelecer na cidade de Providence. Também ajudaram a criar e manter o fundo de endowment da instituição (um fundo de bens doados por ex-alunos da instituição).

Em 1969, a universidade adotou uma série de medidas para modernizar seus métodos de ensino. Desde aquele ano, a instituição já se dedica a oferecer majoritariamente cursos com focos interdisciplinares e maneiras de avaliação que não são presas às notas tradicionais.

Universidade Brown em números

Em seu corpo estudantil, a universidade reúne uma comunidade vibrante e diversificada, composta por cerca de 6.700 alunos de graduação, 2.600 de pós-graduação e 580 estudantes de medicina. São cerca de 10 mil alunos no total, além dos pesquisadores, professores visitantes e estudantes de cursos online.

Segundo dados da universidade, os alunos da Brown vem de todos os 50 estados dos EUA  e mais de 60 países. São aproximadamente 1.800 estudantes internacionais, o que representa cerca de 18% do total de alunos da instituição.

Nos rankings internacionais das melhores universidades do mundo, Brown também se destaca:

Cursos oferecidos pela Brown University

Cursos de graduação

A universidade oferece mais de 70 cursos para que seus estudantes de graduação obtenham um diploma de bacharelado. É possível estudar desde Arqueologia Egípcia até neurociência. A instituição oferece ampla liberdade para seus alunos, que são responsáveis por montar as grades de seus cursos. Saiba mais

Cursos de pós-graduação

A Brown University oferece 51 programas de doutorado e 32 programas de mestrado, distribuídos por escolas como a de Engenharia e a de Saúde Pública. O objetivo da instituição é desenvolver, aplicar e compartilhar conhecimentos.

Assim como na graduação, os estudantes da pós também podem “criar” o seu próprio curso, escolhendo algumas disciplinas e tendo a flexibilidade de participar em pesquisas interdisciplinares.

Non-degree studies

A Brown University oferece cursos online abertos a estudantes de todo o mundo. São os chamados “open courses non-degree”. Em parceria com a Coursera, o objetivo é disseminar o conhecimento e o entendimento de disciplinas das mais diversas áreas. Confira aqui!

Processo seletivo para a Universidade Brown

Graduação

Além do processo tradicional de admissão (aprovação em testes como SAT, Toefl ou IELTS, cartas de recomendação, essays, dentre outros), os alunos que pretendem aplicar para a Brown University devem ter em mente algumas informações:

– Caso obtenha nota no SAT acima de 650, não é preciso fazer nenhum teste de proficiência em inglês;
– O índice de aceite é de cerca de 7%

– 15% dos alunos aprovados são internacionais;
– A universidade utiliza o site Common Application para o seu processo de seleção;
– Alunos interessados em estudar engenharia, química, ciência da computação, geologia, matemática e física devem inserir informações mais detalhadas sobre seu perfil em campo específico;
– A universidade oferece um guia de admissão.

Pós-graduação

Os futuros alunos são aconselhados a consultar os chefes de departamento para que sejam instruídos sobre as exigências específicas para o programa de seu interesse. Afinal, os prazos variam de setor para setor. Além disso, os interessados em aplicar para um curso de mestrado ou doutorado na Brown University são obrigados a demonstrar proficiência em inglês. Isso pode ser feito, por exemplo, por meio de testes como o TOEFL.

A universidade também exige que os alunos internacionais realizem o GRE, sendo que as notas de corte variam de acordo com o departamento. Também é necessário apresentar personal statements, cartas de recomendação e histórico acadêmico de cursos anteriores. Para saber mais, clique aqui.

Custos da Brown University

A vida em Rhode Island é mais acessível do que cidades como Boston ou Nova Iorque, a princípio. No entanto, isso não significa que estudar em Brown seja barato.

A universidade estima que um aluno gaste, em média, 2 mil dólares por mês, incluindo aluguel de um quarto, alimentação, transporte, livros e despesas pessoais. Fora isso, os alunos também devem custear a anuidade, que para o ano letivo 2017-2018 foi de US$ 52.231.

Embora a instituição tenha uma política need-blind de admissão para estudantes dos EUA, de acordo com seu site, para estudantes internacionais isso não se repete. Alunos que sejam residentes dos Estados Unidos podem se candidatar independente de sua necessidade financeira; alunos internacionais devem demonstrar caso só possam cursar seus estudos lá com apoio de bolsas, e isso é levado em consideração no processo seletivo.

No entanto, segundo a instituição, 100% da necessidade financeira demonstrada pelos alunos admitidos em cada ciclo é oferecida pela instituição. Ou seja: se você declarar necessidade financeira e for aceito, é extremamente provável que os seus estudos sejam custeados pela própria universidade.

Ajuda financeira na Universidade Brown

Diversas instituições oferecem bolsas de estudo para quem pretende estudar fora. Bolsas da CAPES, do CNPq e da FAPESP entram para a lista, no caso dos alunos brasileiros. Para os interessados em cursar a graduação na Brown University, a boa notícia é que a instituição oferta auxílio financeiro com base nas necessidades de cada estudante.

Os candidatos à pós-graduação podem recorrer ao “financial support” oferecido de acordo com cada departamento, sejam bolsas com base em mérito, sejam por baixa renda. É importante ressaltar, ainda, que a própria Brown University oferece diversos estágios de pesquisa para que alunos – até mesmo os de graduação – consigam uma renda extra a fim de custear seus estudos. Saiba mais

Curiosidades

– As primeiras mulheres admitidas na Universidade Brown foram da turma de 1891.
– A universidade possui, atualmente, 230 prédios.
– Todos os anos, desde 1960, os alunos se reúnem durante uma semana para o chamado “Green College Concerts”,que são concertos de primavera ao ar livre. Já se apresentaram por lá músicos de renome como Ray Charles, Bob Dylan, Bruce Springsteen, U2, e REM.
– Durante o Halloween, à meia-noite, os alunos se reúnem num dos Halls da Universidade – o chamado Sayles Hall – para um concerto anual. Com cobertores e travesseiros na mão, os estudantes deitam-se no chão e escutam um músico da universidade tocar uma seleção de músicas assustadoras num dos únicos órgãos Hutchings-Votey ainda existentes no mundo.

Ex alunos famosos

  • Dara Khosrowshahi, ex-CEO do Grupo Expedia e atual CEO da Uber;
  • Emma Watson, atriz britânica que interpretou Hermione Granger na série de filmes Harry Potter;
  • Martín Guzmán, economista, atual ministro da Economia da Argentina;
  • Carla Lalli Music, chef e editora de alimentos da publicação Bon Appétit;
  • Daveed Diggs, ator e rapper membro do grupo .clipping;
  • Nadiem Makarin, atual ministro da Educação e Cultura da Indonésia.

Conheça um pouco mais da Brown University no vídeo a seguir (em inglês):

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo: