Um Projeto: Fundação Estudar
PhD e mestrado

Qual é a diferença entre PhD e Mestrado?

Por Redação do Estudar Fora
13.12.2018

Antes de pensar sobre qual é o melhor, vale considerar investimento, tempo de conclusão do curso e os impactos na carreira de fazer PhD e mestrado.


Embora existam diversos tipos de pós-graduação disponíveis para quem deseja continuar sua educação superior, as mais comuns são os Mestrados (Master’s Degrees) e Doutorados (PhD, EdD e outros). Estes graus variam entre si em complexidade e tempo – mas não apenas isso. Por isso, é importante entender PhD e Mestrado individualmente, antes de decidir qual é o melhor para você.

O que é mestrado

O mestrado é um tipo de pós-graduação que aprofunda os conhecimentos da licenciatura ou bacharelado. Em geral, optam por fazer mestrado os estudantes que têm interesse na área acadêmica, seja para se tornar professor ou para se consolidar como pesquisador.

Quanto tempo dura o mestrado

Geralmente, os cursos de mestrado têm duração de dois ou três anos (após a obtenção de um bacharelado). Todos os programas de mestrado envolvem cursos e exames e, dependendo da área, um estágio ou outra experiência aplicada – por exemplo, é requerida prática de campo quando se faz um mestrado em psicologia.

Já a dissertação pode ser obrigatória ou não para a obtenção do diploma. Alguns programas demandam um trabalho escrito, enquanto outros oferecem opções entre a dissertação e um exame final.

Uma forma importante pela qual os programas de PhD e mestrado se diferenciam é a disponibilidade de auxílio financeiro.

Bolsas para mestrado

A maior parte dos programas não oferece tanta ajuda financeira para os estudantes de mestrado quanto aos estudantes de doutorado, e não é raro que os mestrandos precisem pagar a maior parte ou toda a anuidade do curso.

Leia também: Tudo que você precisa saber para conseguir uma bolsa de estudos

Por que fazer mestrado

A importância de se realizar um mestrado varia de acordo com a área. Em geral, as universidades exigem a titulação mínima de mestre como requisito para contratar um professor. Além disso, concluir um curso de mestrado também confere autoridade na carreira.

Em alguns casos, aliás, um mestrado pode ser muito mais vantajoso do que um doutorado – por exemplo, um mestrado em Serviço Social (Master’s Degree in Social Work – MSW) pode ter um custo-benefício maior que um doutorado, considerando-se o tempo e os investimentos necessários para cada um e a diferença de pagamento.

O que é PhD

O PhD, em tradução literal, quer dizer Philosophy Doctor. Apesar disso, o título não é concedido somente a “doutores em filosofia”. Trata-se de um grau acadêmico mais alto e, a rigor, é o mesmo que um doutorado, com a diferença de que a sigla PhD geralmente é utilizada para se referir a programas de doutorado no exterior.

Um programa de doutorado também se destina a aprofundar a pesquisa e crescer na área acadêmica (embora não se restrinja a isso). Por aprofundamento, aqui, entende-se que o doutor é aquele que realmente detém conhecimento sobre determinado assunto, já que, em geral, sua pesquisa precisa ser inédita e mais extensa em relação ao mestrado.

Quanto tempo dura o PhD

Dependendo do programa, pode-se levar entre 4 e 8 anos para completá-lo. Normalmente, programas de PhD nos Estados Unidos incluem dois ou três anos de estudos e uma tese – que é um projeto independente de pesquisa desenhado para construir novos conhecimentos no seu campo e ser de qualidade digna de publicação.

Alguns campos, como psicologia aplicada, também podem exigir um estágio de um ano ou mais.

Leia também: Nos Estados Unidos, estudantes podem transformar sua pesquisa em negócios

Bolsas para PhD

A maior parte dos programas de doutorado oferece várias formas de auxílio financeiro, de bolsas a assistência para financiamento. A disponibilidade e formas de ajuda variam de acordo com a área (campos em que há pesquisa financiada por grandes empresas, por exemplo, são mais propensas a “contratar” seus estudantes/pesquisadores em troca da isenção da anuidade) e de acordo com a instituição.

Diferentemente do que acontece no Brasil, no exterior não é preciso obter um mestrado para depois engajar-se no doutorado. Entretanto, estudantes em alguns programas de doutorado também têm a oportunidade de conquistar um diploma de mestrado durante o processo.

Para entender melhor sobre como funciona uma pós-graduação a nível de mestrado ou doutorado no exterior, confira o vídeo:

PhD e Mestrado: qual é o melhor para você?

Não há uma resposta fácil – depende dos seus interesses, área, motivação e objetivos de carreira. Leia mais sobre o seu campo e consulte professores e profissionais para descobrir qual opção atenderá melhor às suas expectativas. Leve em conta sempre os seguintes pontos antes de tomar a decisão:

  1. Que tipos de empregos pessoas que têm mestrado na sua área têm? E os que têm doutorado? Quais são as diferenças entre os dois?
  2. Quanto custa cada um dos programas? Qual é a perspectiva de salário depois que se concluir o curso? A projeção de salário vale o investimento?
  3. Você está suficientemente interessado para engajar-se em quantos anos de estudo?
  4. Obter um PhD lhe ofereceria benefícios substanciais no seu atual emprego ou em outras oportunidades?

Algumas informações desse artigo foram publicadas originalmente no site About Education. O original (em inglês) pode ser conferido aqui.

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d