Um Projeto: Fundação Estudar
mestrado e doutorado na Coreia

Governo coreano concede bolsas de mestrado e doutorado na Coreia do Sul

Por Priscila Bellini

O governo coreano aceita até 02 de março as candidaturas para o programa de bolsas KGSP, que contempla programas de mestrado e doutorado na Coreia. A inscrição, que exige uma lista de documentos traduzidos para o inglês, deve ser enviada diretamente por Correio à Embaixada do país, em Brasília, até a data limite estabelecida.

Ao todo, estão disponíveis sete bolsas para candidatos brasileiros, em áreas do conhecimento variadas, que vão desde Ciências Naturais até Humanidades, em 64 universidades do país asiático. Entre elas, estão a Universidade da Coreia, a Universidade Sungkyunkwan e a Universidade Nacional de Seul. Para checar quais cursos e instituições fazem parte do programa, basta acessar o informe do site Study in Korea.

Como se inscrever 

Podem se candidatar ao programa de bolsas de mestrado e doutorado na Coreia os estudantes que tenham até 40 anos de idade e tenham concluído graduação ou mestrado (ou que tenham previsão de finalizar o curso até 31 de agosto de 2018). Também é necessário ter bom desempenho acadêmico e ter proficiência em inglês, ainda que a comprovação por testes padronizados (como o TOEFL) seja opcional.

Para se candidatar às bolsas, há uma lista de documentos a serem enviados para a Embaixada da República da Coreia, em Brasília. Entre os itens exigidos, estão o formulário de inscrição, personal statement, bem como statement of purpose e projeto de pesquisa (no caso de programas que estejam na categoria Research).

Nos essays exigidos, é esperado que o estudante explique tanto detalhes sobre suas conquistas acadêmicas e profissionais passadas quanto sua motivação ao escolher os programas de mestrado e doutorado na Coreia.

Leia mais: Brasileiro conta como é fazer MBA na Coreia do Sul

Também são solicitados documentos que comprovem a trajetória do candidato, como histórico escolar e cópia do diploma (de graduação ou mestrado), além de duas cartas de recomendação. Vale lembrar que os documentos emitidos em português precisam ser acompanhados, no momento da application, de uma tradução juramentada.

Quais os benefícios das bolsas de mestrado e doutorado na Coreia

O apoio financeiro oferecido pelo governo coreano é generoso. O KGSP arca com taxas acadêmicas e com a tuition das universidades coreanas, além de conceder um auxílio mensal para o estudante no valor de 900 dólares. Além disso, a iniciativa cobre as despesas com passagens aéreas e seguro-saúde durante o período de estudos, que de estende por dois anos (no caso do mestrado) ou quatro anos (em programas de doutorado).

Leia mais: Tudo que você precisa saber para conseguir uma bolsa de estudo

Outro ponto importante, entre os benefícios, é o curso de língua coreana, obrigatório para todos os bolsistas e com duração de um ano. Após esse período, também custeado pelo governo coreano, os alunos devem alcançar o nível 3 no teste TOPIK, que indica proficiência no idioma.

Para saber mais sobre as bolsas de estudo e detalhes da inscrição, basta acessar o site da Embaixada da República da Coreia em Brasília.

 

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d