Graduação completa, internacional e sem anuidade? “Universidade do Povo” tem inscrições abertas

University of the People

Já pensou em estudar em uma universidade dos Estados Unidos, com alunos de outros 150 países, de graça? Ela existe. E pode ser acessada diretamente do seu computador. A University of the People (UoPeople) é a primeira universidade internacional sem anuidade reconhecida e dedicada a ampliar o acesso global à educação superior. Sem fins lucrativos, cobra apenas taxas de inscrição e para realização dos exames… e ainda oferece bolsas de estudos! Ela está com inscrições abertas até o dia 28 de maio!

Por meio de tecnologia open-source, a universidade oferece atendimentos personalizados e assistência de mais de 3 mil professores voluntários. O objetivo é superar barreiras geográficas e financeiras na busca por um diploma de ensino superior. E tem dado certo: atualmente, estão matriculados estudantes de mais de 190 países.

Cursos oferecidos

São oferecidos apenas três cursos de graduação: ciência da computação, administração de empresas e ciências da saúde. Os dois primeiros “são os dois programas que têm maior demanda global, e também que oferece maior possibilidade de empregabilidade”, explica o fundador da UoPeople, Shai Reshef. A instituição é parceira de universidades de renome como Harvard, Yale e Oxford, e também possui convênios com empresas internacionais como Microsoft e HP para estágio e mentoria.

Além desses programas de graduação, a universidade internacional também oferece mestrados em negócios (um MBA) e em Educação. Há também associate degrees, que são cursos semelhantes aos que são oferecidos nos community colleges dos Estados Unidos — algo entre um curso técnico e uma graduação.

“Não é educação à distância”

Reshef, que recebeu apoio da ONU para fundar a UoPeople, também é enfático ao apontar a diferença entre a universidade e os cursos abertos e online (Massive Online Open Courses – MOOC). Enquanto os MOOCs são cursos gratuitos oferecidos por universidades em assuntos específicos, a UoPeople oferece cursos completos de graduação, inclusive com emissão de diploma.

Além disso, as salas de aulas são menores (por volta de 20-30 alunos por aula) e, enquanto os MOOCs têm taxa de finalização de 5%, na UoPleople, esta taxa supera 95%. Finalmente, enquanto os cursos de educação à distância geralmente são abertos ao público, para a UoPeople é necessário candidatar-se e ser aceito pela instituição.

Oferta de bolsas para a University of the People

Embora não haja taxas de anuidade nem custos de materiais, é cobrada uma taxa de candidatura, de até 50 dólares, e uma taxa de 100 dólares por exame de final de curso.

Estas taxas são sempre coletadas ao final dos cursos e há possibilidade de conseguir bolsas para elas. Nesta página, é possível ver todas as bolsas de estudo oferecidas pela universidade. Entre elas estão a HP Women’s Scholarship Fund, voltada a mulheres, a Fondation Hoffmann Scholarship, aberta a todos os estudantes e até a Botari Women’s Scholarship Fund, exclusiva para mulheres brasileiras!

Para se candidatar, é preciso ter concluído o ensino médio, ter acesso a computador e conexão de internet e nível de inglês suficiente para acompanhar as aulas. São feitas cinco rodadas de admissão a cada ano, e a próxima, com início em setembro, está com inscrições abertas até 28 de maio.

Leia também:
Confira 10 bolsas de estudo para você se inscrever em junho
Estudante revela como foi aceito por 9 universidade americanas
A inovadora Universidade Minerva: aulas online e campus itinerante

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo: