Um Projeto: Fundação Estudar
Campus da Universidade da Antuérpia, em Flandres

Mestrado na Bélgica: inscrições abertas para bolsa do governo

Por Gustavo Sumares
04.02.2019

As bolsas, oferecidas pelo governo da região de Flandres, têm valor máximo de 8 mil euros por ano. Inscrições até 30/04!


O governo de Flandres (uma região da Bélgica) está com inscrições abertas para o programa Master Mind Scholarships. O programa oferece bolsas de estudo a estudantes de qualquer nacionalidade, que tenham concluído o ensino superior em uma universidade fora da região de Flandres e que queiram fazer mestrado na Bélgica. As inscrições vão até 30 de abril.

A bolsa, no entanto, contempla apenas as universidades localizadas nessa região. São, no total, 12 opções, incluindo cinco universidades (University of Leuven, University of Antwerp, Ghent University, Hasselt University e Vrije Universiteit Brussel), além de sete outras faculdades com oferta de cursos mais específicos. A lista completa pode ser visualizada no site do programa de bolsas.

Leia mais: Quanto custa estudar nas melhores universidades do mundo?

O valor máximo da bolsa é de 8.000 euros por ano acadêmico. Desse valor, a instituição de ensino superior na qual o estudante fará o mestrado pode solicitar uma tuition fee anual de valor inicial de 110,8 euros. Nos anos seguintes, essa taxa anual pode aumentar um pouco, segundo o edital do programa. No total, o programa estima oferecer cerca de 30 bolsas.

Como se inscrever

Para se candidatar à bolsa, os alunos deverão demostrar conhecimento de inglês (mínimo de 90 pontos no TOEFL ou nota 6,5 no IELTS). É necessário também que a sua média acadêmica seja de pelo menos 3.0 pontos, entre 4 pontos possíveis, de acordo com o cálculo disponível nesta página.

Também será preciso fazer upload de uma foto recente, páginas do passaporte, do diploma e do histórico escolar em francês, inglês ou holandês. Se o diploma e o histórico do candidato estiverem em outra língua, será necessário providenciar traduções. O candidato ainda deverá enviar uma carta de motivação, em inglês, e duas cartas de recomendação (também em inglês) da professores universitários.

Leia mais: O que define um bom desempenho acadêmico para as universidades?

Finalmente, durante o processo de candidatura, o estudante precisará redigir três textos explicando por que gostaria de estudar naquela instituição de ensino específica. Outros requisitos poderão ser feitos em cada caso, dependendo da universidade de destino pretendida pelo candidato.

As inscrições ficam abertas até o dia 30 de abril. O processo de seleção acontecerá em maio, e o anúncio dos estudantes selecionados em junho. O programa terá início em setembro de 2019.

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d