Inicio Griffith University oferece bolsas de graduação e pós na Austrália

Griffith University oferece bolsas de graduação e pós na Austrália

0
Griffith University oferece bolsas de graduação e pós na Austrália

A Griffith University, na Austrália, está com inscrições abertas para seu programa Griffith Remarkable Scholarship. O programa oferece bolsas de graduação e pós na Austrália para estudantes com desempenho acadêmico notável. As inscrições vão até 7 de agosto para estudantes que queiram começar as aulas ainda em 2020.

As bolsas cobrem 50% das anuidades do curso de graduação ou pós-graduação ao qual o candidato for aceito, durante toda a duração do curso. A lista completa de cursos de graduação oferecidos pela universidade pode ser vista neste link, e os cursos de pós-graduação podem ser vistos aqui.

Nos dois casos, a manutenção da bolsa é condicionada a bom desempenho acadêmico do aluno. Segundo a universidade, é necessário manter uma média ponderada acima de 5.5 de 7 pontos (o que equivale a aproximadamente uma média de 8 ou mais numa escala de 0 a 10).

Como se candidatar às bolsas de graduação ou pós na Austrália

Para se candidatar às bolsas, primeiro é necessário se candidatar ao curso desejado na Griffith University. Para esse processo, é preciso já ter concluído o ensino médio ou primeiro ano da graduação no Brasil (para cursos de graduação) ou a graduação no Brasil (para cursos de pós).

Também é preciso enviar diploma, histórico acadêmico e certificado de proficiência em inglês para se candidatar aos cursos. Fique de olho: alguns cursos podem ter exigências adicionais, então confira na página da universidade para garantir.

Em seguida, para se candidatar à bolsa, o estudante deve preencher o formulário de candidatura disponível neste link. Como parte do processo, os estudantes deverão apresentar documentos defendendo seu bom desempenho acadêmico (pode ser o histórico acadêmico, ou prêmios ou distinções obtidos com os estudos).

Também será necessário enviar um personal statement, com 250 a 500 palavras, em inglês, explicando por que o candidato deseja a bolsa, o que pretende estudar com ela e “outras informações que ele sentir que fortalece sua candidatura”, segundo a instituição. As inscrições devem ser feitas até 7 de agosto, e a universidade se compromete a notificar os alunos selecionados até 21 de agosto. As aulas devem começar em outubro de 2020.

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo:

Leia