Inicio Confira a redação que levou jovem de Rondônia à Pensilvânia

Confira a redação que levou jovem de Rondônia à Pensilvânia

Confira a redação que levou jovem de Rondônia à Pensilvânia

Ainda na cidade de Porto Velho, Rondônia, onde nasceu e morou até os 14 anos, Rafael Gehrke começou a se envolver com robótica. Ele estava no Ensino Fundamental quando participou da sua primeira Olimpíada Brasileira de Robótica Teórica e, encantado, começou a estudar por conta própria o assunto.

Ao concluir o Ensino Fundamental, o jovem de Rondônia foi a São Paulo para tentar bolsas de estudos nos melhores colégios do país. Conseguiu uma bolsa parcial no Colégio Etapa e, lá, “robótica se tornou parte da minha vida”, conta ele.

Durante o Ensino Médio, ele participou de mais Olimpíadas de Matemática e Física e liderou um time de estudantes na Olimpíada Brasileira de Robótica Prática – onde eles tinham, de fato, o desafio de construir um robô funcional. A experiência foi tão marcante que Rafael a escolheu para descrever no seu Personal Statement – a redação que acabou encantando os recrutadores da UPenn.

Em setembro, ele embarca para os Estados Unidos para estudar robótica na instituição – o que o deixará mais perto do seu sonho, de ser pesquisador na área. “Construir robôs é uma forma de se desafiar constantemente, pois sempre há um problema que você ainda não explorou”, diz ele.

Depois da graduação nos Estados Unidos, o jovem pretende voltar ao Brasil para ajudar a desenvolver o campo, ainda pouco explorado. “O campo da robótica no Brasil ainda é novo e pouco desenvolvido”, afirma. Ao que tudo indica, teremos bons representantes em um futuro próximo.

 

Quer ler a redação que ajudou Rafael a ser aceito pela Universidade da Pensilvânia? Clique aqui e baixe gratuitamente o arquivo (em português e inglês!)

 

Leia também:
Confira a redação que levou este jovem a ser aceito por Stanford
Dançarina paulista aceita para Ivy League compartilha sua redação
Aluno de Harvard compartilha redações que o ajudaram a chegar lá

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo:

Leia