Um projeto: Fundação Estudar

Intercâmbio

O que você precisa saber para ter uma experiência de estudos em outro país

30.08.16

5 cursos de alemão (para todos os orçamentos) na Alemanha

5 cursos de alemão (para todos os orçamentos) na Alemanha

Bolsistas brasileiros no país dão dicas para quem quer aprender alemão de forma intensiva, vivendo, ao mesmo tempo, uma experiência cultural. Cursos a partir de 100 euros!

Por Evelyn Araripe, do TIPPS*

No artigo do mês passado, nós contamos que saber alemão, apesar de não ser obrigatório para estudar na Alemanha, pode te ajudar muito na integração com a cultura local.  Mencionamos várias formas de aprendizado: intercâmbio no país, cursos (presenciais e online) e materiais de estudo, impressos ou eletrônicos. Apesar da variedade de opções, uma maneira mais rápida e eficiente de aprender o idioma é certamente estudando no próprio país.

Imagine você acordar todos os dias e ter que praticar o alemão para simplesmente tudo: tomar um café, fazer supermercado, ir a um restaurante e, claro, interagir com os locais, ao mesmo tempo em que faz um curso intensivo. Por isso que é natural ver pessoas que dedicam anos para aprender alemão no Brasil serem “ultrapassadas” rapidamente por quem ficou poucos meses na Alemanha estudando diariamente.

Se você tem interesse em aprender alemão na Alemanha, se liga nas seguintes dicas de cursos intensivos, com diferentes formatos e preços, que levantamos estes mês:

 

#1 Cursos nas Universidades Alemãs

Muitas universidades alemãs oferecem cursos para iniciantes ou pessoas com algum conhecimento. A ideia é ajudar os seus estudantes estrangeiros a se aperfeiçoarem no idioma e na integração com o país. Muitas universidades também aceitam estudantes não matriculados em cursos regulares (como graduação, mestrado ou doutorado). Ou seja, pessoas “de fora” podem estudar nelas investindo um valor um pouco maior. Mesmo assim, os cursos costumam ser mais baratos que nas escolas de idiomas convencionais. Em uma das mais renomadas universidades alemãs, a Ludwig-Maximilians em Munique (LMU), por exemplo, há um centro de idiomas com vagas limitadas para alunos externos. Um curso com duas aulas por semana, por exemplo, custa menos de 100 Euros por mês. A oportunidade também é boa para quem tem interesse em estudar futuramente na universidade já ir conhecendo a estrutura e fazendo contatos. Mais informações sobre a LMU no site oficial (em inglês e alemão).

#2 Volkshochschulen (VSH)

As Volkshochschulen são escolas subsidiadas pelo governo alemão, o que garante cursos a preços muito mais acessíveis que as escolas convencionais de idiomas. Com mais de 900 escolas em toda a Alemanha, os cursos oferecidos são variados. Além de idiomas você também encontra cursos livres como de culinária, yoga, pilates, entre outros. A opção é muito boa para quem viaja com orçamento baixo. O problema é que a fila de espera para os cursos de alemão costuma ser grande (em média seis meses). A qualidade dos cursos também varia de cidade para cidade. Vale a pena consultar fóruns online antes de se inscrever. Os cursos intensivos com aulas diárias de aproximadamente 3 horas custam em torno de 200 euros, podendo variar de acordo com a cidade. Confira mais informações aqui (site em alemão)

#3 Instituto Goethe

Com escolas presentes em vários países, inclusive no Brasil, o Instituto Goethe é a principal referência em aprendizado de alemão dentro e fora da Alemanha. Por isso, a metodologia de ensino é a mesma, mas na Alemanha o diferencial é poder fazer excursões e atividades culturais organizadas pela escola, além de viver o dia a dia do país enquanto se aprende. O Goethe está presente em 13 cidades alemãs e em Viena, na Áustria. Os cursos intensivos com aulas de segunda a sexta e média de 3 horas diárias de aula duram de duas a oito semanas. O curso de duas semanas custa 650 euros sem acomodação ou 800 euros com hospedagem em quarto compartilhado. Acesse o site do instituto e saiba mais (site em inglês ou alemão)

#4 Carl Duisberg

Esta organização não governamental é conhecida por ensinar alemão a pessoas que querem se preparar para o mercado de trabalho na Alemanha. Mas também oferece cursos de alemão generalizados, preparação para ingressar em universidades alemãs ou preparação para adolescentes que queiram fazer intercâmbio de ensino médio na Alemanha. Com escolas em cinco cidades alemãs, os cursos intensivos custam em média 200 euros por semana sem acomodação (variando de acordo com a duração do estudante no curso). O diferencial dos cursos intensivo da Carl Duisberg é que os alunos desenvolvem projetos em alemão ao longo do curso, uma maneira de aprender o idioma na prática. Mais informações no site (em inglês)

#5 GLS Sprachen Zentrum Berlin

A escola berlinense é premiada todos os anos como a melhor da capital alemã. As classes são pequenas e o material é interativo, misturando aulas de gramática com conversação, áudios e vídeos. Outro destaque é que dentro da própria escola existe um hotel e um restaurante à disposição dos estudantes. A escola inicia novas turmas todas as segundas-feiras, permitindo que os alunos ingressem a qualquer momento do ano. A escola também possui um programa combinado de curso de idioma e estágio em alguma organização alemã, para que o estudante pratique o idioma. O curso intensivo com três horas de aula por dia custa a partir de 600 euros por mês, sem acomodação. Confira os detalhes aqui (site em inglês ou alemão).

 

 

Evelyn Araripe TIPPSSobre o Autor

Evelyn Araripe é jornalista, educadora ambiental e empreendedora social. Atualmente é fellow do programa German Chancellor Fellowship for tomorrow’s leaders da Fundação Alexander von Humboldt, na Alemanha, com projeto sobre Juventude, Gênero e Mudanças Climáticas. Também é integrante do TIPPS, uma página destinada à divulgação de oportunidades de estudos e de pesquisa na Alemanha, com dicas e esclarecimento de dúvidas sobre diferentes editais e programas.

 

* Foto: East Side Gallery, em Berlim. A frase pintada no muro quer dizer “É preciso derrubar muitos muros” (Es gilt viele Mauern abzu bauen) / Crédito: Márcio Cabral de Moura CC BY-NC-ND 2.0

 

Leia também:
Alemanha possui mais de 800 programas de mestrado em inglês
Brasileira conta como conseguiu bolsa integral na Alemanha… sem falar alemão
Aprenda inglês e outras 10 línguas nestes cursos online e gratuitos

Conecte-se ao Estudar Fora

Leia Mais

impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT
estudar idiomas