Um projeto: Fundação Estudar

Graduação

O que você precisa saber para cursar uma graduação fora do Brasil

09.04.15

“Ter um grupo de Notre Dame no Brasil foi fundamental para a minha escolha”

notre dame

Entre os diversos fatores a se considerar ao escolher uma escola no exterior, Daniela Felippe, aluna de Notre Dame, destaca a impotância dos clubes estudantis

Foi fundamental ter o apoio e suporte de um clube de Notre Dame aqui no Brasil

Oi pessoal,

Neste mês, queria dividir com vocês um dos fatores que influenciou a minha escolha de onde estudaria nos Estados Unidos. Como muitos sabem, é muito difícil tomar a decisão de estudar fora e deixar para trás uma vida inteira no seu país de origem. No entanto, ainda mais difícil é escolher para onde ir depois que as decisões das universidades são divulgadas. Quem passou por isso sabe quantos cenários imaginários acabamos criando já que há várias opções excelentes.

Para mim, foi fundamental ter o apoio e suporte de um clube de NotreDame (organização formada por ex e atuais alunos da universidade) aqui no Brasil. Esses clubes servem para manter o espírito da universidade em outro país, criar um network das pessoas envolvidas com a instituição e dar suporte tanto para novos alunos de mudança para os EUA como ex-alunos que estão retornando ao Brasil. Além do mais, promovem eventos para apresentar a instituição a candidatos que estão na fase de application.

Aconselho você a pesquisar se a sua instituição de interesse tem algum clube aqui

No caso de NotreDame, temos o Notre Dame Club of Brazil (NDCB) – clube formado por ex-alunos americanos e brasileiros. Dentre as diversas atividades do clube, o apoio aos atuais alunos foi um dos principais fatores que me incentivaram a escolher Notre Dame. Este apoio se dá de diversas formas: atrairam minha atenção a realização de eventos focados na comunidade de brasileiros em NotreDame, como um jantar para os alunos recém-admitidos e almoço para aqueles que se mudarão em agosto para NotreDame. Ações como estas que criam um senso de comunidade entre os estudantes e acaba tornando a mudança mais fácil.

Para quem está prestes a se escolher uma escola e, consequentemente, um novo lar, clubes como o NDCB transmitem segurança. Aconselho você a pesquisar se a sua instituição de interesse tem algum e entrar em contato com ele o quanto antes. É ótimo – e reconfortante – saber que você terá suporte tanto enquanto estiver em Notre Dame, como quando decidir voltar para o Brasil.

_____________________________________________________________________

Daniela felippeDaniela Felippe – colunista sobre graduação nos EUA

Daniela já se envolveu com a ONG Teto e o Projeto Aprender, que estão alinhados à sua vontade de lutar contra a pobreza extrema e pelo acesso à educação de qualidade para todos. Em 2014, foi aprovada no curso de Administração Pública da Fundação Getúlio Vargas (FGV), mas optou por estudar na Universidade de Notre Dame, onde espera obter uma dupla graduação em Ciências Políticas e Finanças.

Leia também:
Saiba como é estudar em uma universidade católica
Entenda o processo de seleção para universidades no exterior
Como escolher a faculdade certa no exterior

Conecte-se ao Estudar Fora

http://promo.estudarfora.org.br/07de78d376d72cb1d7d3

Leia Mais

estagiários da Microsoft comemorando
impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT