Inicio Harvard retoma aulas presenciais e receberá maior turma da história

Harvard retoma aulas presenciais e receberá maior turma da história

0
Harvard retoma aulas presenciais e receberá maior turma da história

A Universidade de Harvard anunciou no fim de maio que irá receber a maior turma de graduação da história da instituição. Os novos alunos devem retornar à universidade para o início do próximo ano letivo, que começa em agosto.

O anúncio foi feito via e-mail administrativo enviado para a FAS (Faculdade de Artes e Ciências), a maior das 12 faculdades que formam a instituição. A universidade afirma que além de admitir um número maior de estudantes para o próximo ano letivo, houve um grande número de adiamentos de curso devido à pandemia.

Leia também: Como entrar em Harvard: guia para quem sonha em estudar lá

A próxima turma marcará o retorno das aulas presenciais na universidade de Harvard. A tendência é que a maioria das instituições de ensino superior norte-americana façam o mesmo.

Como ficam os estudantes internacionais?

Na nota, a faculdade afirma que está ciente da dificuldade de alguns estudantes internacionais para conseguir o visto e viajar antes da data limite obrigatória para chegada ao campus, no dia 4 de outubro. A faculdade explica que, nesses casos, os estudantes terão possibilidade de cursar as aulas remotamente em um primeiro momento.

“O Escritório de Educação Internacional entrará em contato com esses alunos e os aconselhará, na seleção dos cursos, que podem começar remotamente e depois ingressar nas aulas presenciais após a chegada”, a instituição afirma no e-mail.

Tecnologia a favor do ensino

Para as próximas turmas, a Universidade de Harvard pretende conciliar tecnologias desenvolvidas ou aperfeiçoadas durante o período de ensino a distância com as aulas presenciais.

Leia também: De Harvard à Oxford: confira os melhores cursos online gratuitos

De acordo com a instituição, “a experiência do ano passado demonstrou que a tecnologia pode ser uma ferramenta pedagógica poderosa e os instrutores podem usar alguns materiais pré-gravados para complementar seu ensino presencial”.

Cuidados permanecem no retorno para o presencial

Anteriormente, as universidades norte-americanas anunciaram que a vacinação será obrigatória para todo corpo estudantil no próximo semestre. Em Harvard, estudantes que forem morar no campus deverão passar um “curto período de quarentena” antes de iniciar as atividade.

No último mês, estudantes brasileiros que foram aprovados em universidades dos Estados Unidos foram inclusos na categoria NIE (Exceções de Interesse Nacional), que permite a entrada direta no país sem a necessidade de entrevista e dos 14 dias de quarentena. A mudança aconteceu depois de meses de atraso nas embaixadas brasileiras para a emissão dos vistos. Veja mais informações sobre as mudanças aqui. 

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo:

Leia