Um projeto: Fundação Estudar

Graduação

O que você precisa saber para cursar uma graduação fora do Brasil

11.11.16

“A candidatura para medicina dá muito mais trabalho”, diz formada em Harvard

Jasmine Fernandez mexico-americana em Harvard

Neste capítulo, veja como Jasmine Fernandez, filha de imigrantes que se formou em Harvard, está se preparando para a Faculdade de Medicina nos Estados Unidos.

Por Nathalia Bustamante

Na última semana, contamos aqui no Estudar Fora a história de Jasmine Fernandez – uma filha de imigrantes que foi aceita em Harvard e lá se engajou em diversas iniciativas de defesa de direitos de minorias. Confira aqui a primeira parte do bate-papo.

Hoje, formada e trabalhando em São Paulo para estreitar a colaboração entre pesquisadores de Harvard e brasileiros, ela faz planos de voltar para os Estados Unidos: “Já enviei minha candidatura para diversas escolas de medicina lá”, explica ela. “A candidatura para medicina dá muito mais trabalho, pois são diversas fases”, completa.

A medicina nos Estados Unidos é considerada uma pós-graduação – é por isso que Jasmine, que já obteve seu diploma de graduação em Harvard, está novamente se preparando para a candidatura.  Além do desafio de conciliar o trabalho com a preparação, a mexico-americana-brasileira também achou muito difícil o limite de página imposto à Carta de Motivação: “Eles querem saber o que você quer fazer e o que te inspira – é muita coisa para explicar em apenas uma página”, ri.

Confira nos vídeos abaixo, Jasmine explica como começou a se envolver com o Brasil, como preparou a sua candidatura e conta quais são os seus planos para o futuro. Confira!

 

 

Leia também:
Estudantes de medicina podem fazer intercâmbio? Descubra como!
Como é estudar medicina na Argentina? Confira a experiência desta brasileira
Não me arrependo de ter abandonado Harvard, diz Bill Gates

Conecte-se ao Estudar Fora

http://promo.estudarfora.org.br/07de78d376d72cb1d7d3

Leia Mais

impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT
estudar idiomas