Um projeto: Fundação Estudar

Universidades

Perfis, curiosidades e oportunidades das melhores universidades do mundo

01.01.16

Universidade de Edimburgo: conheça onde estudou o criador do telefone

Universidade de Edimburgo: conheça onde estudou o criador do telefone

Cerca de 50 mil candidatos pleiteiam uma vaga na instituição todos os anos. Lá, estudaram o criador de Sherlock Holmes e do Peter Pan

Com a missão de criar, disseminar e selecionar conhecimento, a Universidade de Edimburgo, na Escócia, foi fundada em 1582. Entre as muitas figuras históricas que se formaram por lá estão o filósofo e historiador David Hume, Alexander Graham Bell (inventor do telefone), James Clerk Maxwell (da teoria do eletromagnetismo), Arthur Conan Doyle (escritor da série Sherlock Holmes), J.M. Barrie (criador do personagem Peter Pan) e Charles Darwin (criador da teoria da evolução), então estudante de medicina.

No total, 20 vencedores do Nobel são ou já foram associados à universidade, assim como três primeiros-ministros britânicos e muitos membros da família real. Para coroar, o líder político Winston Churchill foi seu reitor.

Tida como a 7ª melhor universidade da Europa pela Times Higher Education e a quarta mais popular do Reino Unido em número de inscrições, Edimburgo recebe cerca de 50.000 candidaturas por ano e aceita 10.7% delas. Atualmente, contabiliza cerca de 35.000 alunos, sendo 23.000 na graduação e 12.000 na pós. Destes, 10.000 vem de fora da União Europeia. A anuidade dos cursos de graduação varia entre £15 mil e £29 mil.

Fundada pelo conselho municipal, a universidade começou como uma faculdade de direito. O esforço dos locais levou-a a expandir o escopo – a segunda área de estudo implementada foi teologia – e ganhar um alvará real do Rei James VI da Escócia, em 1582. Foi uma decisão incomum, já que até então a maior parte das universidades era estabelecida por bulas papais.

O campus universitário, feito de prédios espalhados pela cidade, só foi atualizado após as Guerras Napoleônicas, no século XIX, quando a superlotação começou a incomodar. Hoje é formada por diversos edifícios históricos e modernos, incluindo a mais velha sala de concertos da Escócia e a mais velha residência de união estudantil do mundo.

Em 2002, a universidade reorganizou suas nove escolas em três grandes faculdades: Humanidades e Ciências Sociais, Ciências e Engenharia, e Medicina e Veterinária. As escolas dentro de cada uma mantiveram sua autonomia financeira e organizacional e, como um todo, Edimburgo ganhou uniformidade administrativa.

Da cirurgia anti-séptica de Joseph Lister à descoberta do dióxido de carbono de Joseph Black, passando pelo caixa eletrônico de John Shepherd-Barron e pela fertilização in-vitro de Robert Edwards, muitas das inovações do mundo moderno passaram, de alguma forma, pelos velhos corredores de pedra de Edimburgo.

Famosos  que passaram pela Universidade de Edimburgo:
David Hume, filósofo
Alexander Graham Bell, inventor do telefone
Arthur Ignatius Conan Doyle, autor de Sherlock Holmes
Elsie Maud Inglis, fundadora do movimento sufragista na Escócia.

Acesse aqui o site da universidade
Saiba mais sobre o processo seletivo
Saiba mais sobre as bolsas de estudo oferecidas por Edimburgo

Leia também:
Universidade de Oxford: conheça a 1ª universidade em língua inglesa
Bolsas Erasmus Mundus levam você para a Europa
As 10 melhores universidades do mundo

Conecte-se ao Estudar Fora

Leia Mais

estagiários da Microsoft comemorando
impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT