Um projeto: Fundação Estudar

Universidades

Perfis, curiosidades e oportunidades das melhores universidades do mundo

12.02.16

Saiba quais são as 20 melhores cidades do mundo para estudantes

Saiba quais são as 20 melhores cidades do mundo para estudantes

Pela primeira vez, Tóquio entrou no top 5, que também inclui Paris e Londres. Confira a lista completa!

Chamada “cidade luz” pelo seu papel central durante o período do Iluminismo, no século XVIII, Paris mantém até hoje seu status de epicentro da educação mundial. É isso o que afirma o ranking da consultoria britânica em educação superior Quacquarelli Symonds (QS), que pela quarta vez consecutiva elegeu a cidade como a melhor do mundo para se estudar.

Paris: muito além de um destino romântico

Publicado anualmente, o ranking leva em conta dezoito indicadores de cinco grandes áreas: qualidade de vida, diversidade dos estudantes, custo de vida, oportunidades de trabalho após a graduação e posição das universidades da cidade em um ranking mundial.

Melbourne, na Austrália, segue no segundo lugar. A grande surpresa da edição de 2016 é a cidade de Tóquio, que subiu da sétima para a terceira posição, puxada pelo seu bom desempenho no índice de empregabilidade. Em seguida aparecem Sydney e Londres.

Para esta edição, a consultoria analisou 75 cidades com mais de 250 mil habitantes. São Paulo, a única cidade brasileira no ranking, ficou em 65º lugar. Outras opções na América Latina são Buenos Aires, em 32º, e Santiago, em 49º.

Diferenciais das melhores ciddes –  Paris se destaca não apenas pela qualidade do ensino – tem 18 universidades entre as top 75 do mundo – mas também pelo mercado de trabalho e alta qualidade de vida.

As cidades australianas Melbourne e Sidney se sobressaem, principalmente, pela qualidade de vida e alta diversidade da população estudantil.

Tóquio, por sua vez, está entre as cidades mais desejadas por estudantes tanto pela qualidade de vida como pelas oportunidades de trabalho que oferece a recém-formados. No entanto, a pouca diversidade da população estudantil – 63º lugar em nível global – explica a terceira colocação.

A primeira cidade americana no ranking geral é Boston, que aparece na 13ª posição. A cidade, lar de Harvard e MIT, é puxada para baixo pelo seu desempenho no critério custo de vida: está na 69ª posição.

Veja a seguir a lista com as 20 primeiras colocadas:

1. Paris, França
2. Melbourne, Austrália
3. Tóquio, Japão
4. Sydney, Austrália
5. Londres, Inglaterra
6. Singapura, Singapura
7. Montreal, Canadá
8. Hong Kong, China
9. Berlim, Alemanha
10. Seul, Coréia do Sul
11. Munique, Alemanha
12. Zurique, Suíça
13. Toronto, Canadá
13. Vancouver, Canadá
13. Boston, Estados Unidos
16. Viena, Austria
17. Canberra, Austrália
18. Auckland, Nova Zelândia
18. Brisbane, Austrália
20. Nova Yorque, Estados Unidos

O ranking completo pode ser acessado no site da QS.

Leia também:
Insead: conheça a escola francesa que tem o melhor MBA do mundo

Conheça Melbourne, a melhor cidade do mundo para se viver
As melhores universidades do mundo em países emergentes
Brasileiros contam por que vale a pena estudar em Londres

Conecte-se ao Estudar Fora

Leia Mais

impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT
estudar idiomas