Inicio Passaporte da vacina: como emitir o Certificado Nacional de Vacinação COVID-19

Passaporte da vacina: como emitir o Certificado Nacional de Vacinação COVID-19

0
Passaporte da vacina: como emitir o Certificado Nacional de Vacinação COVID-19

Com a reabertura do comércio, eventos com grandes públicos, viagens internacionais e reabertura de fronteiras, o Certificado Nacional de Vacinação COVID-19, apelidado de passaporte da vacina. Para entrar em quase todos os países o documento é exigido e, em alguns casos, deve ser apresentado junto a um teste PCR negativo.

Felizmente, o processo para emitir os comprovantes é relativamente simples. Após tomar a segunda dose ou a dose única da vacina contra o coronavírus, o Sistema Único de Saúde (SUS) registra na base de dados do Ministério da Saúde, a Rede Nacional de Dados em Saúde, a informação de quem já completou a imunização. Por isso, todos os cidadãos vacinados devem ter registro para obter um Cartão SUS, que pode ser realizado de forma online no Portal Conecte SUS (disponível aqui) ou presencialmente em qualquer posto de saúde.

 

 

Leia também: Como tirar o passaporte na Receita Federal

Conecte SUS

Para conferir a relação de todos os postos de saúde do Brasil e onde estão localizados, acesse o site Postos de Saúde (disponível aqui). Na página, além da localização dos postos, é possível encontrar todos os serviços disponíveis nas unidades.

São 3 etapas para emitir o comprovante, que podem ser conferidas no site do Governo Federal (disponível aqui) ou a seguir.

1. Vacine-se

Todas as vacinas contra a COVID-19 autorizadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) são seguras e confiáveis. No Brasil, até o momento, qualquer cidadão com mais de 5 anos de idade pode tomar a vacina, que é aplicada em todos os postos de saúde do país. Apesar do atraso da vacinação nacional, o Brasil já alcançou uma marca de vacinados acima da maioria dos países e ocupa o 27º no ranking de países mais vacinados. São 86,9% da população com a 1ª dose e 65,6% completamente vacinada.

As vacinas aplicadas no Brasil são: CoronaVac – Sinovac, Oxford – AstraZeneca, BioNTech – Pfizer e a Johnson & Johnson – Janssen.

2. Confira seu registro

No site ou aplicativo do Conecte SUS – que pode ser acessado através do site (disponível aqui), no Google Play (disponível aqui) ou Apple Store (disponível aqui). Ao acessar o site ou entrar no aplicativo, basta clicar no ícone “Vacinas” e conferir o registro das primeira e segunda doses ou da dose única.

No registro há o nome da vacina e instituição que a produziu, além das datas em que as doses foram tomadas e todos os detalhes necessários. Após a conclusão da vacinação, o SUS indica o aguardo de até 10 dias úteis para concluir o registro.

Leia também: No dia mundial da Educação, entenda seu papel decisivo nos esforços de combate à Covid-19

2. Emitir o Certificado

No mesmo aplicativo e site e após clicar no nome da vacina e abrir a página com todos os detalhes, basta clicar no ícone “Certificado da Vacinação Covid-19”, escrito em um botão com fundo azul no final da página, e pronto! O certificado, um documento oficial do Ministério da Saúde do Governo Federal, aparecerá em uma nova janela com as opções de impressão ou salvar em PDF.

 

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo:

Leia