Um projeto: Fundação Estudar

Graduação

O que você precisa saber para cursar uma graduação fora do Brasil

18.11.15

Número de brasileiros estudando nos EUA cresce 78% em um ano

estudo nos Estados Unidos

Dados são do Instituto de Educação Internacional. País já é o sexto que mais envia alunos a universidades norte-americanas

O número de brasileiros estudando em universidades dos Estados Unidos cresceu 78% entre 2013 e 2014, passando de 13.286 para 23.675. Os dados são do relatório anual Open Doors, produzido pelo Instituto de Educação Internacional (IIE, na sigla em inglês). Entre os 25 países que mais enviam alunos aos EUA, o Brasil foi o que cresceu em velocidade mais rápida.

Com esse aumento, o país passou da 10ª para a 6ª posição no ranking de nações que mais enviam universitários aos EUA. Hoje, representa 2,4% do total de estudantes estrangeiros na graduação.

Em primeiro lugar no ranking está a China, que enviou 304.040 alunos a universidades norte-americanas em 2013-14, o que representa mais de 30% do total. Em seguida, aparecem Índia (132.888), Coreia do Sul (63.710), Arábia Saudita (59.945) e Canadá (27.240). O Brasil está à frente de nações como México, Vietnã, Japão e Taiwan.

Em comunicado, o IIE creditou o aumento do número de brasileiros, mais uma vez, ao programa do governo federal Ciência sem Fronteiras (CSF), criado em 2011. Mas a ONG também destacou que há um “interesse crescente de estudar nos EUA”. Acesse outras informações do relatório aqui

Esse interesse não acontece sem razão: dentre as 200 melhores universidades do mundo, segundo o ranking 2015-16 da publicação britânica Times Higher Education (THE), 63 estão nos Estados Unidos. Entre as ‘top’ 10, seis são norte-americanas: Caltech (1ª posição), Stanford (3ª), MIT (5ª), Harvard (6ª), Princeton (7ª), University of Chicago (10ª).

Curso prepara jovens para a graduação fora – Sonha em realizar a graduação fora do Brasil? A Fundação Estudar está com vagas abertas para o Prep Program: um programa em grupo que prepara estudantes do ensino médio para o processo de candidatura (application) de universidades norte-americanas.

O curso apresenta a fundo cada uma das etapas do application e fornece ferramentas para que o aluno possa desenvolver um perfil mais competitivo. Isso porque, diferentemente do Brasil, em que os candidatos fazem apenas uma prova (vestibular); nos EUA, a seleção é holística e avalia o candidato como um todo, incluindo suas paixões, interesses e conquistas além da sala da aula.

Saiba onde será a última edição do ano

São Paulo (SP) – 07 a 11 de dezembro das 10h às 16h
Inscrições até 22 de novembro.  Inscreva-se agora

Leia também:
Guia online e gratuito sobre graduação no exterior
Entenda o processo de seleção para universidades no exterior

Conecte-se ao Estudar Fora

http://promo.estudarfora.org.br/07de78d376d72cb1d7d3

Leia Mais

estagiários da Microsoft comemorando
impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT