Um Projeto: Fundação Estudar

Guia online e gratuito sobre o TOEFL

Por Lecticia Maggi

Quem deseja realizar um curso de graduação ou pós em um país de língua inglesa, provavelmente, já ouviu falar do TOEFL (Test of English as a Foreign Language). O exame, que serve para medir o nível de inglês de candidatos não nativos na língua, é reconhecido por mais de 9.000 instituições de ensino superior em mais de 130 países e é também o teste pedido aos intercambistas do programa federal Ciência sem Fronteiras (CsF).

Acesse aqui o seu guia gratuito sobre o TOEFL 

A prova é dividida em quatro seções: listening (compreensão auditiva), reading (leitura), writing (escrita) e speaking (oral), sendo que cada uma vale 30 pontos, totalizando 120 pontos. Não há como o aluno ser aprovado ou reprovado no TOEFL. Obter uma boa nota significa conquistar a pontuação exigida pela sua universidade de interesse.

Em geral, boas universidades costumam requerer acima de 90 pontos e as ‘tops’ mundiais, como Harvard, Columbia e Yale, acima de 100 pontos. “O teste é bastante elaborado e necessita de uma preparação específica”, afirma Ana Virginia Kesselring, diretora da Virginia Center School e especialista na preparação de candidatos para testes internacionais. “Para começar a se preparar especificamente para o TOEFL, o ideal é que o candidato esteja pelo menos no nível intermediário de inglês. Antes disso, ele deve melhorar o inglês de forma geral e não focando na prova”, diz.

Para ajudar quem está se preparando para a prova, elaboramos um guia online e gratuito sobre o TOEFL. Faça aqui um breve cadastro e tenha acesso ao conteúdo exclusivo

Você vai entender como está estruturado o exame, quais as principais diferenças dele para o IELTS e saber como se preparar para cada uma das seções da prova, além de ler dicas de estudantes que conseguiram mais de 100 pontos.

Leia também:
Já fiz um TOEFL, mas fui mal. O que devo fazer?

Acesse outros guias gratuitos do Estudar Fora:
MBA no exterior
Graduação no exterior

Bolsas de estudos no exterior
Cursos de idiomas no exterior
Histórias para te inspirar a estudar fora

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo