Um projeto: Fundação Estudar

Graduação

O que você precisa saber para cursar uma graduação fora do Brasil

21.04.16

5 perguntas para se fazer antes de decidir sua faculdade

decidir a faculdade

Mais que rankings e estatísticas: confira outros fatores que você deve levar em conta para garantir uma experiência universitária transformadora

Por Robin Goldberg, Chief Experience Officer na Universidade Minerva

Escolher entre universidades pode ser uma tarefa assustadora. Independentemente do que alegam os representantes e sites oficiais, é sua responsabilidade ir fundo para entender o que a sua experiência vai verdadeiramente compreender. Então, se você ainda está preenchendo suas candidaturas para universidades (sim, ainda há universidades aceitando inscrições para o semestre que se inicia em setembro de 2016) ou se está começando a decidir entre as escolas para as quais foi aceito, use esta lista de questões como um ponto de partida para se aprofundar em tudo: de quais interações você terá com os professores até a sua experiência fora de aula.

 

1. Quantas aulas você terá com mais de 20 estudantes? Com mais de 50? Com mais de 200?

Procure olhar além da proporção entre número de alunos e professores, e saiba exatamente o tamanho das turmas nas disciplinas que você deseja cursar no seu primeiro e segundo ano, e mesmo depois disto. Grandes auditórios podem parecer bonitos durante a visita ao campus, mas sentar-se em um está longe de ser uma experiência envolvente. Em aulas com 300 ou 800 alunos, o professor provavelmente não vai nem notar se você não comparecer. Classes menores e seminários oferecem uma experiência mais enriquecedora, e um ambiente melhor para aprendizagem. Nós definitivamente fomos ao extremo na Minerva Schools e KGI – palestras foram banidas e todas as salas são pequenas, com não mais que 19 estudantes. Pesquisas na ciência do aprendizado mostra que esta é a melhor forma de aprender.

2. Com quem você realmente vai interagir: estudantes graduados ou professores?

Muitas universidades vangloriam-se pelos nomes dos seus professores mais famosos e ganhadores de prêmios Nobel; com frequência, porém, as instruções e o escritório serão tocadas por alunos graduados. Confira quem vai ser responsável pela maior parte das suas aulas, e quem lhe dará feedbacks concretos sobre seu progresso. Descubra se os líderes acadêmicos das universidades que você escolher são os melhores na sua área e pergunte quanto tempo eles passam interagindo diretamente com estudantes.

3. Os estudantes saem do campus para interagir com a comunidade local?

Mergulhar na cidade ou comunidade onde a universidade se localiza é uma experiência mais rica do que viver dentro de uma bolha no campus. Pergunte como os estudantes sistematicamente saem e interagem com a comunidade, e como eles aplicam o que estão aprendendo na sala de aula ao mundo fora da universidade. Descubra se a escola vai além da série de palestras para coordenar interações com governo, negócios e atividades culturais, para que você consiga trabalhar lado a lado com lideranças e lidar com desafios e problemas reais.

4. Esta escola fala em diversidade em termos estatísticos ou a vive no dia a dia?

A diversidade é reconhecida e celebrada e muitas escolas falam sobre o seu corpo estudantil diverso. Ainda assim, preencher cotas não são suficientes para uma comunidade balanceada. Confira o percentual de estudantes e professores internacionais e descubra quantos países são representados no corpo estudantil. Então, questione-se se este é um país que reflete a realidade do mundo em geral e em que você vai atuar para o resto da vida.

5. Esta escola é um lugar onde poderei ser eu mesmo?
Amizades feitas durante a universidades duram a vida toda, e enriquecem sua experiência educacional. Esta é uma escola onde você se sente a vontade consigo mesmo? Parece ser um lugar onde você pode ter suas próprias ideias e ainda assim ser desafiado para crescer intelectualmente e pensar por diferentes pontos de vistas de outras pessoas com pensamentos, ideias e crenças fortes? Uma universidade que vai te ajudar a crescer como um cidadão global deve sempre permitir que você saia da sua zona de conforto, sabendo que você será apoiado e encorajado por aqueles ao seu redor.

# Pergunta bônus: Converse com estudantes atuais da universidade que você está considerando e pergunte quantas aulas eles tiveram e que foram realmente incríveis. Eles tiveram aulas ou disciplinas que mudaram suas vidas? A universidade é uma oportunidade incrível para mergulhar em um ambiente que vai lhe desafiar, impulsionar, lhe inspirar e ensinar a seguir em frente e fazer coisas grandes no nosso mundo.

A chave é não ter medo de fazer perguntas difíceis e insistir se as respostas que receber forem superficiais. Apenas com um profundo conhecimento das suas possibilidades você poderá fazer a escolha que é a certa para você.

 

Este artigo foi originalmente publicado por Robin Goldberg em Huffington Post. Confira o original (em inglês) aqui.

 

Leia também:
8 mentiras que te contaram sobre intercâmbio
Como escolher a melhor escola para o seu MBA?
Dicas de como aproveitar feiras e eventos com universidades estrangeiras

Conecte-se ao Estudar Fora

http://promo.estudarfora.org.br/07de78d376d72cb1d7d3

Leia Mais

estagiários da Microsoft comemorando
impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT