Um projeto: Fundação Estudar

Bolsas de Estudos

Quais são e como funcionam os programas de bolsas e financiamento

22.12.14

9 bolsas de estudo pelo mundo

especial bolsas de estudo

Que tal incluir um intercâmbio na sua lista de resoluções de ano novo? Veja bolsas de estudo em países como França, EUA, Holanda e Austrália e comece já a se organizar!

Para quem deseja estudar fora, dezembro é um mês muito importante. É nesta época que as universidades começam a estruturar os cursos que serão oferecidos no verão, além de alimentar seus sites com várias informações para quem deseja começar o ano letivo em outro lugar do mundo.

Diferentemente do que acontece no Brasil, em que o calendário escolar tem início em fevereiro, nos Estados Unidos e na maioria dos países europeus as aulas começam em setembro, por isso a necessidade do futuro aluno se adiantar e estabelecer destinos prováveis ainda em dezembro. Agora é a hora de traçar os objetivos para o ano que se inicia!

A seguir, o Estudar fora separou bolsas de estudo que podem te ajudar a realizar o sonho de estudar nas melhores universidades do mundo:

Europa

Além das famosas bolsas Erasmus Mundus, o aluno que pretende estudar na Europa encontra várias opções. Veja:

Holanda – Promovido pelo governo holandês, o programa Orange Tulip Scholarship Brazil está com inscrições abertas até abril de 2015. Há bolsas para diversas áreas do conhecimento, de artes a ciências e negócios.  O requisito principal para a candidatura é excelência acadêmica e quem não fala holandês não precisa se preocupar já que todas as bolsas são para cursos ministrados em língua inglesa.

França – Se o seu objetivo é estudar na França, conheça a Universidade Science Po, em Paris, que oferece bolsas de estudo pelo programa Emily-Boutmy Scholarship para estudantes internacionais que pretendam cursar graduação ou mestrado. Os prazos de inscrição vão até 20 de março de 2015 para candidatos aplicando ao mestrado, e 2 de maio de 2015 para os interessados na graduação.

Alemanha – A Alemanha também oferece diversas bolsas de estudo para quem deseja cursar uma pós-graduação no país. O programa Development-Related Postgraduate Courses, conduzido pelo DAAD, custeia de forma integral ou parcial cursos nas áreas de engenharia, economia, saúde pública, medicina veterinária, administração, planejamento urbano, dentre outras. As inscrições dependem da universidade pretendida, mas alguns prazos vão até outubro de 2015.

Espanha – Mulheres interessadas nas áreas de logística e gestão de cadeias de suprimentos (suply chain managment) podem concorrer às bolsas do MIT Scale Network, uma aliança internacional de centros de pesquisa e de educação dedicada ao desenvolvimento e disseminação de inovações nestes setores. As incrições vão até abril de 2015.

América do Norte

Estados Unidos – O programa da Fundação Fulbright é conduzido pelo governo norte-americano em parceria com o Ciência sem Fronteiras (CsF), e oferece bolsas de estudo para alunos de pós-graduação, jovens profissionais e artistas estudarem nos EUA. O prazo para envio das candidaturas varia conforme o curso pretendido.

Canadá –  O programa Emerging Leaders in the Americas é uma opção para alunos e pesquisadores que querem estudar no Canadá e acreditam que possuem perfil de líderes. A bolsa oferecida é de até 9.700 dólares canadenses pelo prazo de seis meses. As incrições para o ciclo 2015-2016 ainda não foram abertas, mas é bom ficar de olho!

Oceania

Nova Zelândia – O programa New Zealand Scholarships oferece bolsas de estudo para candidatos interessados em cursar mestrado ou doutorado. No caso dos brasileiros, os benefícios são focados nas áreas de  desenvolvimento da agricultura e energia renovável. O prazo para candidatura é 1º de agosto de 2015.

Austrália – O departamento de educação australiano oferece bolsas de mestrado, doutorado e para projetos de pesquisa nas mais diversas áreas. Saiba mais!

Ásia

Coreia do Sul – O programa Korean Government Scholarship oferece bolsas de estudo a alunos internacionais que tenham menos de 40 anos e que desejem cursar pós-graduação no país. Antes do início do mestrado ou do doutorado, os alunos têm um ano de aulas de coreano.

Leia também:
Bolsas Erasmus Mundus levam você para a Europa
Seis países em que é possível estudar de graça – ou quase
Bolsas de estudos para cursos de um mês na Inglaterra

Conecte-se ao Estudar Fora

Leia Mais

impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT
estudar idiomas