Um Projeto: Fundação Estudar
Diferença entre TOEFL e IELTS

TOEFL x IELTS: Entenda as diferenças e saiba qual escolher!

Por Giana Andonini

Todo estudante que deseja realizar uma graduação, pós-graduação ou intercâmbio fora do Brasil precisa comprovar domínio do idioma falado no país de destino. Para o caso das nações de língua inglesa, as provas de proficiência amplamente utilizadas são o Test of English as a Foreign Language (TOEFL) e o International English Language Testing System (IELTS).

As duas provas  testam listening (compreensão auditiva), reading (leitura), writing (escrita) e speaking (oral). O TOEFL é administrado pelo ETS, e pode ser realizado via internet (o chamado TOEFL iBT) em um centro aplicador. A nota final do iBT varia entre 0 a 120 pontos, sendo que cada uma das quatro seções, vale  30 pontos da nota final. O exame tem validade de dois anos e pode ser realizado em várias cidades do país. Consulte AQUI os locais e datas para fazer a prova.

Já o IELTS foi criado pela Universidade de Cambridge e é administrado pelo British Council.  Diferentemente do TOEFL, não tem prazo de validade e pode ser refeito sem limite de intervalos. Mas é importante saber que as universidades geralmente exigem exames realizados há menos de dois anos. A nota é dada em uma escala de 0 a 9. A prova é dividida em dois módulos, um chamado de Academic Module – voltado a candidatos de graduação e pós-graduação; e outro que é  o General Training Module – voltado a profissionais. A prova é aplicada em todo o Brasil de 2 a 3 datas por mês. Para consultar onde você pode realizar a prova, acesse AQUI.

Confira no quadro abaixo as diferenças na estrutura dos dois testes:

 

Sem título

 

 

Existem outras diferenças entre TOEFL e IELTS? Sim, muitas! O Estudar Fora ouviu especialistas em preparação para os exames e mapeou que diferenças são essas:

Diferenças entre TOEFL e IELTS – e como se preparar

Para o especialista Paulo César, a diferença conceitual da prova é que o TOEFL é um teste de múltipla escolha e apela para o aluno que é mais intuitivo. “É ideal para aquele aluno que consegue se achar no meio da informação”, explica.

Já o IELTS é um teste mais concreto, mais objetivo, e você tem que lembrar de muita informação. É um teste que requer uma estruturação maior do aluno. “Mas os dois testes testam as competências de forma muito boa”, afirma.

Outra diferença é na disponibilidade de materiais. Segundo o especialista, o acesso ao material para o  TOEFL é muito maior.

Parte oral: principal diferença entre TOEFL e IELTS

Uma das principais diferenças entre os dois exames é o Speaking (Parte oral). A gerente de Exames do British Council, Vanessa Lopes, explica a diferença: “No o IELTS, você faz a prova oral individualmente com um examinador, enquanto no TOEFL esta prova é feita via computador, com mais de um candidato na mesma sala”.

Para decidir, você deve avaliar como se sente melhor ao falar no idioma. “Muitas pessoas acham que falar com o instrutor é melhor porque é ao vivo, já outras ficam inibidas com a pessoa na frente. Depende de cada um”, argumenta Paulo.

Qual é o seu destino?

Outro ponto importante para a escolha entre uma prova e outra é o destino do seu intercâmbio. Se o seu foco é Estados Unidos, o mais indicado é o Toefl. Se é para algum país na Europa, é o IELTS.

Mas muitas vezes o destino não está totalmente definido quando o estudante começa a se preparar. “Se ele não tem a mínima ideia de qual país ir, sugiro ele focar no Toefl, que é o teste mais amplamente usado no mundo todo”, orienta Paulo.

Já se você pretende estudar no Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia, Irlanda, África do Sul, o IELTS pode ser uma melhor pedida.

Existe diferença na valorização do mercado?

Os dois exames são amplamente aplicados no mundo. Mas, de acordo com os seus objetivos profissionais, há diferenças que devem ser levadas em conta. Se você não irá utilizar a prova com fins acadêmicos, o IELTS pode ser a melhor alternativa. “Para estágios internacionais normalmente o tipo de prova solicitada é o General Training que é somente oferecido pelo IELTS”, defende Vanessa, do British Council.

Já Paulo, da Philadelphia Consulting, observa que para os brasileiros, o TOEFL é mais reconhecido no país.”Já tive várias companhias que pediram para os funcionários apresentarem uma nota de TOEFL, por ser muito reconhecido”, afirma.

O que é uma nota boa no TOEFL e IELTS?

Avaliar o que é uma nota boa em exames padronizados é um tanto relativo. O que você deve levar em conta é o que as universidade pedem. “As graduações geralmente variam entre 80 ou 90 pontos no TOEFL. Algumas mais competitivas pedem no mínimo 100 ponto, que é o que os mestrados e MBAs pedem”, explica Paulo.

 

 

Já decidiu qual é o melhor exame para você? Então baixe gratuitamente e-books para se preparar para os dois exames (incluindo modelos de questões e dicas de quem gabaritou!):

O Guia Definitivo de preparação para o TOEFL

O Guia Definitivo de preparação para o IELTS

Estudar Fora lança curso online e gratuito de TOEFL

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo