Um projeto: Fundação Estudar

Intercâmbio

O que você precisa saber para ter uma experiência de estudos em outro país

14.11.13

Por que estudar inglês em Malta?

estudar inglês em malta

Ilha do Mediterrâneo é o destino mais barato para estudar inglês

Canadá, Estados Unidos, Irlanda, Austrália, Reino Unido… São esses os países que você provavelmente lembra quando pensa em um destino para estudar inglês, certo? Além deles, nos últimos anos a ilha de Malta, na Europa, vem atraindo cada vez mais estudantes brasileiros.

Segundo pesquisa da Associação Brasileira de Organizadores de Viagens Educacionais e Culturais (Belta), Malta aparece como um novo destino citado pelas agências. Entre 2012 e 2013, a busca por pacotes na ilha cresceu 75%. Apesar do alto valor percentual, os números absolutos — não divulgados — ainda são tímidos se comparados aos destinos tradicionais.

A pequena ilha de 316 quilômetros quadrados (similar à Fortaleza, no Ceará), no entanto, tem uma combinação de atrativos que pode levá-la a ser mais procurada nos próximos anos. “Entre todos os destinos de língua inglesa, Malta é o mais barato”, diz Neila Chammas, diretora de relações institucionais da Belta.

Um pacote de um mês pode custar cerca de R$ 3.700 reais. Para o Canadá o preço sobe para R$ 4 mil, em média. “Compensa também pelo fato de o custo de vida ser 30% mais baixo se comparado à Espanha, que é um destino barato”, diz Thiago España, diretor-geral da agência World Study, que enviou 330 brasileiros em 2012.

A diferença de centenas de reais pode parecer pouca, mas a localização da ilha é outro diferencial. Malta está a 80 quilômetros da Sicília, na Itália, à leste da Tunísia e ao norte da Líbia, ambos na África. “Essa mistura reflete na riqueza da cultura local”, afirma España. A ilha é buscada, principalmente, por jovens de 16 a 19 anos, por conta do clima ensolarado e pela agitada vida noturna. Por ser uma pequena, é ideal para períodos curtos, de até 8 semanas.

Sua localização permite chegar facilmente a outros países da Europa. Companhias áreas de baixo custo, como a irlandesa Ryanair, agora tem voos a partir de lá. “Ainda assim é preciso se organizar com um pouco mais de antecedência, caso queira viajar para outros lugares”, avisa España.

Malta tem dois idiomas oficiais: o inglês e o maltês. A ilha foi domínio britânico até 1964, quando se tornou independente. O maltês é originário das heranças sicilianas e árabe. Para escolher sua escola, procure as credenciadas da Federation English Language Teaching Organisations Malta (Feltom). “Temos muito cuidado para vender pacotes para Malta, porque não é uma imersão 100% no inglês”, diz Neila. “Na rua e entre locais você vai escutar o maltês junto com o inglês.” Mas fique tranquilo: você vai falar inglês. Todos em Malta falam!

Conecte-se ao Estudar Fora

Leia Mais

impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT
estudar idiomas