Inicio OEA oferece bolsas para mestrado em políticas públicas na Coreia do Sul

OEA oferece bolsas para mestrado em políticas públicas na Coreia do Sul

0
OEA oferece bolsas para mestrado em políticas públicas na Coreia do Sul

A Organização dos Estados Americanos (OEA), em parceria com a KDI School of Public Policy and Management, abriu inscrições para quatro bolsas de estudo na área de políticas públicas na Coreia. Os interessados podem se candidatar a um dos programas de mestrado que têm duração de um ano: Master of Public Management, Master of Public Policy ou Master of Development Policy. As inscrições são feitas online e devem ser realizadas até 6 de outubro.

Os cursos começam em fevereiro de 2018. No caso do Master of Public Management, a bolsa cobre o valor total de anuidade do programa e uma bolsa-auxílio mensal de 833 a 1000 dólares. Nos cursos voltados para Public Policy e Development Policy, a bolsa também contempla os gastos com passagens aéreas de ida e volta para a Coreia do Sul.

 

 

Cabe aos candidatos arcar com os custos de seguro-saúde e vistos, além de materiais e livros.

Como se candidatar ao curso de políticas públicas na Coreia

Para se candidatar, é necessário ter um diploma de bacharelado e bom nível de inglês, comprovado por testes como TOEFL e IELTS, já que todas as aulas são conduzidas no idioma. Para os cursos de Public Policy e Development Policy, os interessados devem possuir, no mínimo, seis anos de experiência no setor público. Para o Master of Public Management, não é exigida experiência no setor. É necessário também ser admitido pelo processo seletivo da KDI.

A inscrição é feita online e quem se candidata deve enviar documentos como currículo em inglês, cópia do diploma, histórico da graduação e cópia do passaporte. Também devem ser enviadas duas cartas de recomendação e um statement of purpose em inglês para a KDI, bem como certificados de exames de proficiência. Confira informações sobre a candidatura no edital para a bolsa.

Sobre a KDI

A escola coreana foi fundada em 1997 e volta-se para as áreas ligadas às políticas públicas para formar uma nova geração de líderes na área. Metade dos alunos da KDI vem de outros países e frequenta as disciplinas ministradas em inglês. Como a instituição destaca, a formação é baseada em estudos de caso, discussões em sala e projetos desenvolvidos pelos alunos.

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo:

Leia