Fundação Estudar
InícioBolsas de EstudoBolsas para brasileiros em graduação e pós na Nova Zelândia

Bolsas para brasileiros em graduação e pós na Nova Zelândia

Priscila Bellini - 27/05/2020
Comentários:

A Universidade de Massey, na Nova Zelândia, disponibiliza bolsas parciais para candidatos estrangeiros em seus cursos de graduação e pós. Os prazos para candidatura variam, de acordo com a área de formação. Para quem deseja estudar negócios, é dia 15 de junho. Já os interessados em humanidades e ciências sociais têm como data limite o dia 30 de novembro.

Não há, entretanto, um número definido de bolsas a serem concedidas. Ou seja, a decisão ficará a cargo de um comitê, que selecionará alunos com base, principalmente, em desempenho acadêmico.

Como se candidatar às bolsas da Universidade de Massey

Primeiro, é necessário garantir a aprovação em um curso da Universidade de Massey, na Nova Zelândia. Isso vale tanto para os de graduação quanto para os programas de pós. Durante o processo de seleção das bolsas, a instituição analisa o histórico acadêmico do candidato e concede o auxílio financeiro aos melhores colocados.

Como forma de candidatura ao apoio financeiro, é necessário enviar um formulário padrão preenchido para o endereço de e-mail [email protected]. O documento precisa ser submetido depois da application para o curso em si e até a data limite, de 30 de novembro ou 1 de dezembro.

Bolsas do Massey University College of Humanities and Social Sciences

As bolsas parciais cobrem entre 10 mil dólares neozelandeses, no caso de pós-graduação, e 20 mil, para graduação. Os valores variam de acordo com o desempenho do estudante, e são descontados da anuidade, cujo valor médio é de 30 mil dólares. Dessa vez, o apoio financeiro vale para alunos inscritos em cursos de áreas como artes, comunicação, educação ou linguística.

Prazo de candidatura: 15 de junho.

Formulário exigido pela Universidade Massey disponível pelo link

Bolsas da Massey Business School

O edital das bolsas da Massey Business School para 2020 ainda não abriu. No entanto, considerando o calendário seguido pela universidade na edição do ano passado, ele deve abrir em breve.

Para esses cursos, as bolsas podem chegar a 15 mil dólares neozelandeses, no caso de graduação, e 10 mil, para pós. O valor cobre, portanto, uma parte da tuition, que costuma chegar a 30 mil dólares. Para ser elegível, é necessário aplicar para um dos cursos da Massey Business School – ou seja: Contabilidade, Aviação, Marketing, Economia e Administração.

Prazo de candidatura: 30 de novembro (na edição do ano anterior).

O que você achou desse post?

Sobre o escritor

Priscila Bellini
Priscila Bellini
Priscila Bellini é jornalista, bolsista Chevening 2018/2019 e mestre em Gênero, Mídia e Cultura pela London School of Economics and Political Science (LSE). Foi colaboradora do Estudar Fora em 2016 e 2017 e editora do portal em 2018.

Artigos relacionados