Um projeto: Fundação Estudar

Graduação

O que você precisa saber para cursar uma graduação fora do Brasil

07.10.15

Conheça as 5 cidades mais econômicas para estudantes no Reino Unido

Conheça as 5 cidades mais econômicas para estudantes no Reino Unido

Sonha em estudar no Reino Unido? Descubra quais são os destinos que não pesam (tanto) no bolso dos alunos!

Por Vivian Carrer Elias

O Reino Unido é referência quando se trata de ensino superior. Entre as 100 melhores universidades do mundo, segundo a Times Higher Education, 17 são britânicas. Por esse motivo, pessoas de vários países sonham em estudar lá. O preço disso, no entanto, pode ser elevado. Uma pós-graduação de dois anos em Relações Internacionais na Universidade de Cambridge, a mais bem ranqueada do país, por exemplo, sai por cerca de 20.000 libras a alunos não europeus.

Há, no entanto, formas de reduzir os gastos de um intercâmbio no Reino Unido. Uma delas é optar por viver em cidades com custo de vida mais baixo. Para ajudar nessa decisão, o banco NatWest realiza, anualmente, o estudo Student Living Index, que calcula a média de gastos em 25 cidades britânicas que mais atraem estudantes. Segundo os resultados, as cidades mais caras do Reino Unido são Oxford e Cambridge, enquanto Belfast, na Irlanda do Norte, é a mais econômica.

Para calcular o custo total cada cidade, a pesquisa levou em consideração 15 gastos essenciais. Os itens incluem, por exemplo, aluguel, mercado, roupas, material escolar, transporte local e lavanderia. Para ter acesso a lista completa de gastos, clique aqui.

Veja abaixo quais são as 5 cidades do Reino Unido que não pesam (tanto) no bolso dos estudantes. Confira também a média o valor de todos os 15 itens somados e exemplos de gastos específicos que o aluno tem por semana:

1. Belfast (Irlanda do Norte)

A cidade, localizada na Irlanda do Norte, foi considerada a mais econômica no Reino Unido para estudantes. Lá, os universitários gastam menos que em qualquer outro lugar do país com itens como aluguel, mercado e lavanderia. Belfast possui cerca de 280.000 habitantes e é a 17a maior cidade do Reino Unido. A instituição mais famosa de lá é a Queen’s University Belfast.

Média de gastos semanais (em libras) em 15 itens considerados essenciais: 151,50.
Exemplos (em libras): aluguel: 46; mercado: 16; transporte: 12,90; telefone: 6,17; saídas: 9,24.

2. Southampton (Inglaterra)

Essa cidade portuária de 220.000 habitantes fica no sul da Inglaterra e é conhecida pelo time de futebol local, o Southampton FC, e pala Universidade de Southampton, que está entre as 15 melhores do Reino Unido, segundo o ranking do The Guardian. É a segunda cidade britânica mais barata para estudantes, especialmente em relação ao transporte público e passeios pela região.

Média de gastos semanais (em libras) em 15 itens considerados essenciais: 188,33.
Exemplos (em libras): aluguel: 82,63; mercado: 25,19; transporte: 7,52; telefone: 6,88; saídas: 6,66.

3. Nottingham (Inglaterra)

Localizada no norte da Inglaterra e famosa por ser cenário das histórias de Robin Hood,  Nottigham é cidade britânica onde estudantes gastam menos com itens como conta de telefone. Com cerca de 285.000 habitantes, é uma importante cidade universitária: atrai pessoas do mundo todo e oferece uma vida social e noturna agitada, além de uma excelente infraestrutura, como clubes e grupos de teatro. A instituição mais importante do local é a Universidade de Nottingham.

Média de gastos semanais (em libras) em 15 itens considerados essenciais: 192,64.
Exemplos (em libras): aluguel: 87,36; mercado: 23,84; transporte: 9,26; telefone: 4,83; saídas: 8,74.

4. Edimburgo (Escócia)

A capital da Escócia – e a 7a maior cidade britânica, com quase meio milhão de habitantes – está entre os 50 melhores lugares do mundo para estudantes, segundo a consultoria QS. Alguns dos fatores que a tornam econômica são os passeios e a conta de telefone. A Universidade Heriot-Watt e a Universidade de Edimburgo estão entre as 20 melhores do Reino Unido, segundo o jornal The Guardian. Clique aqui para saber mais sobre a cidade.

Média de gastos semanais (em libras) em 15 itens considerados essenciais: 194,69.
Exemplos (em libras): aluguel: 86,79; mercado: 27,50; transporte: 9,23; telefone: 5,83; saídas: 7,24.

5. Manchester (Inglaterra)

A cidade, que fica no Noroeste da Inglaterra, é uma das mais importantes do país. Assim como Edimburgo, está entre os 50 melhores lugares do mundo para estudantes, segundo o ranking da QS,  e abriga a Universidade de Manchester, uma das 100 instituições mais bem conceituadas do globo, de acordo com a Times Higher Education. Além da vida universitária, a cidade também é conhecida por sua atividade cultural, especialmente por seu cenário musical. Foi lá que surgiram bandas como Oasis e The Smiths.

Média de gastos semanais (em libras) em 15 itens considerados essenciais: 206,62.
Exemplos (em libras): aluguel: 71,33; mercado: 24,90; transporte: 10,42; telefone: 8,99; saídas: 10,13.

*Foto: Belfast / Crédito: divulgação

Leia também:
Chevening: estão abertas as inscrições para bolsas no Reino Unido
Universidade de Cambrigde oferece bolsas de estudo para pós-graduação
Guia gratuito sobre bolsas de estudos no exterior

Conecte-se ao Estudar Fora

http://promo.estudarfora.org.br/07de78d376d72cb1d7d3

Leia Mais

impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT
estudar idiomas