Um Projeto: Fundação Estudar
fachada de prédio de escola de negócios

O que fazer para ser aceito com bolsa em um MBA fora

Por Redação do Estudar Fora

A disputa por bolsas de MBA está se tornando mais e mais competitiva a cada ano. Isso não quer dizer, porém, que os candidatos devem se desmotivar. Há alguns pontos-chave que, se seguidos, podem lhe dar alguma vantagem. Para ter sucesso, é preciso conhecer as regras do jogo e estar preparado para mergulhar de cabeça.

Antes, porém, de chegar aos aspectos mais importantes, algumas cartas precisam ser colocadas na mesa: a primeira é tempo, a segunda são os pré-requisitos de proficiência na língua e a terceira é a diversidade de recursos disponíveis.

Tempo de preparação pode se provar o fator mais decisivo quando se trata de aumentar suas chances de conquistar uma bolsa de MBA. Quanto mais cedo for feita a decisão de se candidatar para um MBA, maiores são as chances – e se um candidato depende de uma bolsa para cobrir integralmente ou parcialmente suas despesas, é melhor que a preparação se inicie ao menos um ano antes do deadline.

Candidatos que não sejam falantes nativos de inglês também deverão fazer o TOEFL, IELTS ou outros testes de proficiência. Assim como o GMAT – o teste mais importante da sua admissão – nunca mire na nota mínima. É importante almejar notas mais altas, já que sua batalha é não apenas por ser aceito mas também por uma bolsa de estudos.

E lembre-se de diversificar suas fontes de financiamento. Candidate-se a quantas bolsas de MBA forem possíveis, desde que você atenda aos pré-requisitos. Você será considerado para uma das bolsas da universidade automaticamente no momento da matrícula, mas não deixe de procurar por opções complementares.

Da Excelência à Singularidade

Há dois fatores importantes para focar quando se está tentando uma bolsa para MBA – você pode pensar nele como os dois maiores “argumentos de venda” que só você possui.

O primeiro são as suas conquistas – ou provas concretas da sua performance acadêmica e profissional – e a segunda é a sua personalidade, ou um mix de qualidades intangíveis que o fazem único. Estes dois traços são o que diferencia uma pessoa de outra, e o que separa um candidato aceito apenas para a vaga daquele que conquistou também uma bolsa.

Entender o que dizer no momento de convencer a instituição que oferece a bolsa é meio caminho andado. Ser capaz de explicar como estes dois fatores foram desenvolvidos com o passar do tempo, e por que eles lhe tornam diferente e valioso, é a segunda metade do caminho.

Suas conquistas importam

Construa sua Cover Letter (ou sua Carta de Motivação) para a bolsa de estudos ao redor delas. A combinação de bons resultados acadêmicos, uma boa nota no GMAT e evidência da sua excelência profissional é crucial para persuadir o comitê de seleção que você merece aquele prêmio. Por isso, sempre que possível, quantifique seu sucesso. Por exemplo, se você atua como Coordenador de Vendas e neste ano conquistou bons resultados para a sua empresa em comparação com o ano anterior, não seja tímido ao falar sobre isso. Este dado tangível deve provar ao comitê que seus resultados são fatos, e não pretensões.

Suas peculiaridades importam

As características intangíveis da sua personalidade também fazem sua candidatura se destacar. Enfatizar seus valores e sua integridade é chave aqui. Você já ganhou anteriormente alguma bolsa prestigiosa? Já escreveu um livro que foi publicado? Já fez algum trabalho de voluntariado para uma organização reconhecida? Esteve envolvido em algum tipo de inovação? Se você é uma liderança feminina, pense sobre o seu papel por um tempo. O objetivo aqui não é demonstrar vaidade ou gabar-se de conquistas – é mostrar ao comitê quem você é, já que eles não conseguirão “ler” tudo apenas a partir do seu histórico ou currículo.

Seja o mais específico e claro o possível sobre seus planos de carreira e suas conquistas em seus essays. Se você for persuasivo e consistente em suas motivações, o comitê de seleção vai reconhecer isso. Dê ênfase às conexões entre seu passado (tanto educacional quanto professional) e como você se vê no futuro. Com uma graduação em mídia, diversos anos de experiência na área e ambições de crescer nesta carreira, há boas chances de você apresentar uma candidatura forte. E, se você quiser mudar de carreira, explique seus argumentos de como esta mudança acontecerá e destaque suas qualidades e experiências que lhe tornam adequados para o novo campo.

Apresente cartas de recomendação que não apenas falem bem de você, mas que também sejam realistas e venham de pessoas que estiveram em uma posição de conhecer-lhe bem. Este não é o aspecto mais importante, mas também conta.

Bolsas de MBA por Necessidade Financeira?

Além das bolsas de mérito, muitas universidades oferecem bolsas baseadas em necessidade financeira. Porém, tome cuidado ao interpretar este termo “necessidade financeira” – a decisão por admiti-lo e de lhe dar uma bolsa de estudos continuará tendo mais a ver com seu sucesso acadêmico e seu potencial de liderança, como demonstrado no seu currículo, do que apenas na sua situação econômica.

Embora o sistema varie em diferentes países, boas universidades em geral oferecem assistência generosa. Essa assistência, porém, provavelmente cobrirá apenas uma parte dos seus gastos. A consultoria Poets&Quants estimou que as 35 melhores escolas de negócios dos Estados Unidos são em média 220 milhões de dólares por ano em bolsas de MBA. Em diversas escolas americanas, também se tornou comum para estudantes tentarem negociar o valor do benefício com a escola.

Confira se você não pode concorrer a bolsas de perfil

Existem bolsas específicas para determinadas nacionalidades – e não apenas oferecidas pelos governos de cada país, mas também diferentes ONGs e Fundações (como a Fundação Estudar, que oferece bolsas para estudantes de graduação e pós-graduação).

Se você é uma mulher com potencial de liderança ou pertence a algum grupo minoritário, talvez você também seja elegível para uma bolsa de perfil. A Forté Foundation, por exemplo, oferece bolsas para mulheres no MBA.

No fim, a candidatura para bolsas de MBA é um processo que não apenas examina as habilidades dos candidatos, mas também suas motivações e objetivos de carreira. Por esta razão, você deve estar confiante em suas escolhas de vida e demonstrar consistência e coerência na busca por seus objetivos. Ser capaz de provar sua singularidade é fruto desta confiança – e a melhor forma de conquistar uma bolsa para MBA.

 

Está se preparando para um mestrado ou MBA?

Na próxima semana acontecerão no Rio de Janeiro e em São Paulo as feiras Access MBA e Access Master, que trarão ao Brasil representantes de diversas universidades conceituadas. A entrada é gratuita, mas os participantes devem se inscrever previamente pela internet. Anote na agenda:

Anote na Agenda:

No Rio de Janeiro
Quando: 16 de março, das 11h às 21h30
Onde: JW Marriott Rio de Janeiro (Av. Atlantica 2600)
Inscrições: gratuitas, através do site

Em São Paulo
Quando: 18 de março, das 9h30 às 20h30
Onde: InterContinental Sao Paulo (Alameda Santos, 1123)
Inscrições: gratuitas, através do site

 

Este artigo foi originalmente publicado por Advent Group e o original (em inglês) pode ser acessado aqui.

 

 

Leia também:
USC, na Califórnia, oferece bolsas para brasileiros em seu MBA
5 bolsas de estudos para MBA no exterior
15 bolsas que encerram inscrições em março

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo