Um projeto: Fundação Estudar

Universidades

Perfis, curiosidades e oportunidades das melhores universidades do mundo

08.11.13

Stanford Graduate School of Education

Stanford Graduate School of Education

Escola de educação oferece cursos de mestrado para quem quer aprender teoria, prática e até negócios associados à área

Em 1891 nascia em Stanford um embrião do que se transformaria décadas depois em uma das melhores escolas de pós em educação dos Estados Unidos. Localizada no coração do Vale do Silício, na Califórnia – região que concentra algumas das maiores empresas de tecnologia do mundo -, a Stanford Graduate School of Education tem hoje como foco a inovação. A faculdade também possui fortes laços com a América Latina e o Brasil, em especial.

Em 2012, foi inaugurado o Lemann Center for Educational Entrepreneurship and Innovation in Brazil (Centro Lemann para Empreendedorismo e Inovação na Educação Brasileira): uma parceria entre a Stanford Graduate School of Education e a Fundação Lemann, organização sem fins lucrativos, que tem como objetivo melhorar a qualidade da educação pública no Brasil. O Centro busca apoiar a formação de professores e pesquisadores em políticas educacionais para atuar no país.

Os professores à frente do projeto têm vasto conhecimento sobre o Brasil, já tendo vivido no país ou pesquisado a educação brasileira em profundidade. São eles o paulistano Paulo Blikstein e os americanos Martin Carnoy, David Plank e Eric Bettinger. Seu papel é incentivar os alunos a elaborar novas tecnologias que possam ser aplicadas em escolas públicas brasileiras.

Assista uma entrevista com Paulo Blikstein e saiba mais a respeito do trabalho desenvolvido por essa equipe de inovação:

Tamanho:
A escola é pequena, são menos de 400 alunos matriculados nos programas de pós em educação.

Áreas de estudo:
Stanford oferece cursos de mestrado para profissionais de interesses diversos. Um deles, de educação comparada, é mais acadêmico, enquanto o Learning, Design and Technology (LDT) é mais prático e inovador. Para aqueles que também querem se especializar em negócios, um joint degree possibilita que o aluno faça um MBA paralelamente ao mestrado em Educação. A escola tem ainda doutorados e outros cursos de curta duração para professores visitantes e pesquisadores.

Ranking 2013:
5º lugar no ranking da US News, o principal para as melhores escolas de educação

Application:
No processo seletivo da escola, os candidatos precisam apresentar:

– taxa de inscrição equivalente a 125 dólares
– formulário online de candidatura
– currículo
statement of purpose (uma espécie de carta de motivação)
– três cartas de recomendação (uma acadêmica e outra profissional)
– histórico escolar (traduzido para o inglês)
– GRE (cuja validade é de 5 anos)
– TOEFL (a nota mínima é 100)

O deadline para o application costuma ser em meados de janeiro. Para mais informações, clique aqui.

Bolsas:
Os alunos que forem admitidos em um dos programas de mestrado da Stanford Graduate School of Education podem se candidatar a uma bolsa de estudos Lemann Fellowship, cujo processo é coordenado diretamente pela universidade, e não pela Fundação Lemann.

As bolsas são integrais – ou seja, cobrem o valor da anuidade e os principais gastos com despesas pessoais no período do curso – e ainda podem ser associadas a outras bolsas e programas de financiamento.

Para os interessados, o pedido deve ser submetido ao Lemann Center for Educational Entrepreneurship and Innovation in Brazil, preenchendo um formulário online.

Curiosidades:
– Em 1916, o psicólogo americano Lewis Terman, pioneiro no ensino de psicologia educacional na Stanford Graduate School of Education, criou a Escala Stanford-Binet, usada até hoje para medir o quociente de inteligência (QI). O padrão só pode ser desenvolvido graças ao trabalho prévio do pedagogo e psicólogo francês Alfred Binet, que fez os primeiros testes em conjunto com Théodore Simon, a fim de tentar propor uma explicação para o fato de que as crianças aprendiam em ritmos diferentes.

– O cofundador e CEO do Netflix, Reed Hastings, foi aluno da Stanford Graduate School of Education e chegou a ser apontado para o cargo de presidente do State Board of Education da Califórnia graças ao seu ativismo em prol da educação.

– Apenas em 2012 a escola mudou seu nome para Stanford Graduate School of Education, como uma forma de demonstrar seu avanço em pesquisa na área e na preparação dos alunos como educadores, professores, realizadores de políticas públicas e empreendedores.

Contatos:
Para falar com o admissions office da Stanford Graduate School of Education, mande uma mensagem através desta página.

Faça um tour virtual na faculdade
_____________________________________________________________________

A Fundação Estudar e a Fundação Lemann prepararam três guias exclusivos e totalmente gratuitos para interessados em realizar um mestrado no exterior nas áreas de Educação, Saúde Pública ou Políticas Públicas. Clique no guia de sua preferência e receba o conteúdo em seu e-mail:

educacao_vale estepp_vale estesaudepublica_valeeste

Conecte-se ao Estudar Fora

Leia Mais

impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT
estudar idiomas