Um Projeto: Fundação Estudar
Stanford Graduate School of Business

Qual o perfil de aluno de MBA? Tipo 2: Consultor Estratégico

Por TOP MBA

Continuando nossa série na qual mostramos exemplos de perfis de candidatos que entraram em programas de MBA nas escolas de negócio internacionais de seus sonhos. No post anterior, falamos sobre o perfil do aluno de MBA Empreendedor e como ele conseguiu ser aceito em Wharton. Hoje, vamos à história de um consultor estratégico.*

Perfil: Consultor Estratégico

Idade: 27 anos

GPA (média global da graduação): 7.78 de 10

GMAT: 770 | TOEFL: 117

Outras línguas: Francês e espanhol intermediários.

Infância e educação básica / secundária: Aos 4 anos de idade mudou-se com a família para os Estados Unidos, já que seu pai foi cursar um programa PhD em uma universidade americana. Permaneceram lá por 4 anos, e foi uma experiência marcante, segundo ele, por dois motivos:

  • Conviveu em um ambiente diverso: seu amigos mais próximos eram um judeu de Israel e um muçulmano do Egito; e ele cresceu cercado de pessoas pertencentes à comunidade LGBT. Com isso, desenvolveu desde pequeno noções de tolerância e pluralidade.
  • Estudou em uma escola “experimental” que valorizava a diversidade, a curiosidade e o questionamento.

De volta ao Brasil, ficou incomodado com a desigualdade social e desde muito cedo se envolveu com projetos voluntários da escola em favelas próximas. Continuou os estudos em escola privada, e foi considerado o melhor entre 250 colegas no primeiro ano do ensino médio.

Ensino superior: Graduação em Economia em Universidade Pública Estadual.

  • Estágio de 1 ano em Economia e Ciências Políticas em 2 universidades europeias. Ganhador de bolsa de estudos devido a mérito acadêmico;
  • Tese final publicada em um dos maiores journals econômicos do Brasil;
  • Ranqueado entre os 10 melhores alunos da turma;
  • Engajamento político: fundador de grupo focado no combate à corrupção; liderou marcha de quase 10,000 pessoas há alguns anos em protesto contra gastos públicos em eventos de grandes proporções no país.

 

Trajetória profissional

– Estágios:

  1. Instituto de Pesquisa focado em políticas públicas municipais;
  2. Consultoria Econômica.

– Empresas em que trabalhou antes do MBA:

  • Consultoria Global de Estratégia, que serve principalmente grandes empresas em diversos setores. Envolveu-se com projetos na área pública e social. Reconhecido como consultor estratégico top 5-10% da firma;
  • Instituição focada no estabelecimento de parcerias público-privadas e na melhoria do âmbito de negócios em grande cidade brasileira.

Experiência internacional:

  • Morou fora por 4 anos quando criança;
  • Estágio de 1 ano durante faculdade;
  • Viagens a trabalho enquanto consultor estratégico, incluindo projeto de 3 meses em outro país, e também a passeio.

Experiência comunitária:

  • Fundador de movimento em favor de mais transparência em gastos públicos relacionados a grandes eventos no Brasil;
  • Líder de parceria entre consultoria estratégica e organização sem fins lucrativos com objetivo de ajudar empreendedores a estruturar e a dar seguimento a seus negócios;
  • Conselheiro em organização criada para profissionalizar a gestão de esportes no Brasil.

Objetivos no pós-MBA imediato:

Venture Capital com foco em negócios de cunho social, ajudando a desenvolver o setor de Impact Investing no Brasil.

Objetivos a longo prazo: Criar um Fundo de Investimento focado na área social.

Justificativa para o MBA: Pausar carreira por um tempo, investindo em aumentar conhecimento em áreas específicas não contempladas em sua formação acadêmica. Trocar experiências com pessoas de perfis diferentes, estudar cases reais e formar network na área de interesse (empreendedorismo social, inovação, investimentos).

Recomendadores: Supervisores diretos em ambas as empresas em que trabalhou antes do MBA.  

 

Como destacar pontos fortes e mitigar pontos fracos

  • História pessoal interessante: o fato de ter morado fora desde criança proporcionou visão de mundo única e guiou escolhas inclusive de carreira posteriormente;
  • Perfil engajado, com exemplos concretos de envolvimento comunitário através de atividades extracurriculares de alto impacto;
  • Excelente aluno: premiado no ensino médio, bem ranqueado na faculdade;
  • Carreira de sucesso: considerado top performer nas empresas nas quais trabalhou, demonstrando resultados tangíveis;
  • Ambições futuras factíveis: planos pós-MBA em linha com histórico passado e interesses pessoais;
  • Métricas excepcionais (GMAT e TOEFL);
  • Ponto fraco mitigado: consultores normalmente têm ricas experiências em diversas indústrias e áreas funcionais (ex. finanças, marketing, operações), porém comumente é difícil demonstrar foco e expertise em alguma área específica, que seja evidência da paixão do candidato. Esse ex-cliente foi muito além da sua trajetória profissional e experiência como consultor estratégico ao se apresentar às escolas, mergulhando profundamente em sua história pessoal, valores e aprendizados mais verdadeiros. Ele comunicou sua história como uma grande viagem de aprendizado onde encontrou oportunidades para contribuir significativamente com sua comunidade, de forma curricular (ex. no trabalho) e extracurricular (ex. em voluntariados e clubes estudantis).

 

Onde foi aceito?

Stanford Graduate School of Business

 

Trecho de um de seus essays:

January 1971: a 42-year-old is tortured to death in the chambers of the Brazilian Armed Forces, just a few years after the military coup d’état that took over the country and installed a long lasting dictatorship. As a former Parliament member, my grandfather was arrested, tortured and killed for his pro-democracy engagement. This became an emblematic case of resistance against tyranny in Brazil´s history, and as a consequence of his murder, values such as purpose and drive to positively impact our society became a solid foundation of my family´s personality. Unsurprisingly, I grew up to see my identity through these values as well. Today, the will to impact my country by promoting freedom and social justice is what matters most to me.”

 

*Os perfis descritos nesta série são apenas exemplos e, apesar de reais, não cobrem a diversidade de candidatos que alcançam sucesso no processo seletivo. Não há um perfil “padrão” ou uma receita de bolo a ser seguida para ser aprovado; ao avaliar suas chances em um programa top deve-se considerar o seu perfil específico, salientando pontos fortes, compensando pontos fracos, contando sua história de maneira genuína e impactante e deixando suas ambições de carreira claras e bem fundamentadas.

 

 

Sobre os Autores

Daiana Stolf é cientista por formação e escritora e coach por paixão. De mestre pela Universidade de Toronto (Canadá) a aluna de Gestão Estratégica na Universidade de Harvard (EUA), passando por cientista-doutoranda da EPFL (Suíça), em 2011 descobriu o prazer de guiar brasileiros curiosos e determinados a expandir seus horizontes através de cursos de pós-graduação nas melhores universidades do mundo. Ela é co-fundadora da TopMBA Coaching.

Alex Anton é MBA pela Harvard Business School e adora ajudar outros brasucas a realizarem o sonho de estudar nas melhores escolas do mundo. Apaixonado por viajar e por conhecer o mundo, já morou e trabalhou no Canadá, Alemanha, Suíça, Indonésia, Estados Unidos e China. É co-fundador da TopMBA Coaching e entusiasta da meditação, fotografia e corrida.

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo