Um projeto: Fundação Estudar

Pós Graduação

O que você precisa saber para cursar uma pós-graduação fora do Brasil

20.07.15

“No MBA fora, você é tão importante quanto o professor”, diz aluna

"No MBA fora, você é tão importante quanto o professor", diz aluna

Nas universidades estrangeiras, estudantes são cobrados a participarem da aula o tempo todo. "Você tem que falar e falar coisas inteligentes, senão é penalizado"

As metodologias de ensino dos cursos de MBA no exterior variam bastante: há escolas mais focadas em estudos de casos, outras em palestras e há ainda aquelas que priorizam projetos práticos, em que os alunos desenvolvem pesquisas junto a empresas reais, ajudando-as a lidarem com seus desafios de gestão.

Os alunos têm o dever de fazer um trabalho pré-aula e chegarem prontos para uma discussão de auto nível

Apesar das diferenças entre as escolas, todas têm em algo comum: exigir que o aluno participe intensamente das aulas. Diferentemente do Brasil, em que os estudantes são acostumados a ouvir mais e falar menos, absorvendo conhecimento do professor; no exterior, eles são chamados a participar da aula o tempo todo. “Você é tão importante quanto o professor que está ali no centr”, conta a administradora Marcela Zonis, que fez MBA no INSEAD, na França.

“Os alunos têm o dever de fazer um trabalho pré-aula e chegarem prontos para uma discussão de auto nível”, diz. “Você tem que falar e tem que falar coisas inteligentes, senão vai ser penalizado e vai passar vergonha”, completa.

Quer saber mais sobre a metodologia de ensino dos cursos de MBA no exterior? Assista ao vídeo a seguir:

Assista ao bate-papo completo com estudantes que fizeram MBA no exterior

Leia também:
Especial: MBA no exterior
Feira internacional de MBA terá representantes de 30 universidades
Entenda as diferenças entre o MBA tradicional e o executivo no exterior

Conecte-se ao Estudar Fora

Leia Mais

estagiários da Microsoft comemorando
impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT