Um projeto: Fundação Estudar

Bolsas de Estudos

Quais são e como funcionam os programas de bolsas e financiamento

27.03.15

Último dia de inscrições ao programa de bolsas da Fundação Estudar

Último dia de inscrições ao programa de bolsas da Fundação Estudar

Corra: inscrições ao Programa de Bolsas 2015 terminam nesta terça-feira. Bolsistas contam quais são as vantagens de fazer parte da Comunidade Estudar!

Por Lecticia Maggi

Fazer parte da Estudar é um grande exercício de humildade: você se acha muito importante, mas aí conhece pessoas que já fizeram coisas extraordinárias

Terminam nesta terça-feira, dia 31 de março, as inscrições ao Programa de Bolsas 2015 da Fundação Estudar. Finalize aqui sua inscrição. Há bolsas para cursos de graduação no Brasil ou no exterior (completa, intercâmbio acadêmico ou duplo-diploma) ou pós-graduação no exterior (mestrado, MBA, doutorado ou pós-doutorado).

Mais do que auxílio financeiro para custear seus estudos, os bolsistas passam a fazer parte da Comunidade Estudar, uma rede de pessoas que sonham grande, querem transformar o país e deixar um legado para as futuras gerações.

A seguir, três bolsistas contam quais são as vantagens de fazer parte do programa e o que mudou em suas vidas após serem selecionados:

José Frederico Lyra Netto, de 30 anos, estudante de mestrado em Políticas Públicas em Harvard

zé fred300px“O processo seletivo da Fundação Estudar é bem desafiador: além de ter várias etapas, há pessoas muito boas participando. Várias das que não passaram eram excelentes. Ter sido selecionado foi uma grata surpresa – não achei que seria. Os benefícios de fazer parte da Comunidade Estudar são muitos: o menor, mas ainda assim importante, é a bolsa em si, que me ajuda bastante. O 2º ponto, e talvez o principal, é o acesso a pessoas. Depois que ingressei na rede Estudar, ficou muito mais fácil falar com pessoas que gosto e admiro. E não só grandes nomes, como Jorge Paulo Lemann, mas também gente jovem e que já está fazendo a diferença. O 3º ponto é que passar em um processo tão competitivo faz muito bem para a auto-estima: é um incentivo a mais para mostrar que você é capaz e não pode desistir dos seus sonhos.”

Bárbara Cruvinel, de 19 anos, aluna de graduação em Yale

Barabra300px“Ao longo do processo seletivo, aprendi mais sobre mim mesma e também a contar a minha história. Eu nunca tive feito isso antes e achava que seria arrogante se fizesse. Mas é preciso ser desinibida para contar quem é você, no que é boa e por que merece a bolsa. Em um processo competitivo assim, você aprende a não ter vergonha de expor suas opiniões. Quando me perguntam quais os benefícios de ser bolsista da Fundação Estudar, resumo em três palavras: rede de contatos. Você conhece pessoas que te ajudam a colocar seus projetos em prática e outras que te inspiram a fazer coisas novas e ir além.”

Giuliana Reis, de 25 anos, estudante de MBA na Chicago Booth School

Giuliana300px“O processo de seleção em si já me trouxe uma série de aprendizados: um deles, foi que tenho que olhar para a frente, ter um objetivo em mente, mas viver um dia de cada vez. Eu sou muito ansiosa e viver assim é um desafio! Por exemplo: me preparei para a dinâmica em grupo sem pensar na entrevista final com Jorge Paulo Lemann. É preciso ter paciência – e calma – para conquistar cada etapa do processo (são oito!). Acredito que colaborou para minha seleção ter deixado claro que a bolsa não era um ‘fim’, mas um ‘meio’. Ou seja, a conquista não seria ganhar a bolsa, mas todas as coisas que poderia fazer a partir disso. Com a questão financeira não sendo primordial, você tem flexibilidade para escolher um summer job (trabalho de verão) que realmente queira e que irá te acrescentar profissionalmente, e não necessariamente o que pagará mais. Ser bolsista me abriu portas e permitiu que me aproximasse de empresas que admiro, como a Ambev. Conheci diversos executivos de escritórios internacionais. Acredito que fazer parte da rede Estudar é um grande exercício de humildade: você se acha muito importante, mas aí conhece pessoas que já fizeram coisas extraordinárias. Isso te puxa a querer fazer mais e melhor!”

Leia também:
Bolsistas da Fundação Estudar dão dicas sobre o processo seletivo
“Ser bolsista da Fundação Estudar equivale a ser aluno de Harvard”
Onde conseguir apoio para estudar fora

Conecte-se ao Estudar Fora

Leia Mais

estagiários da Microsoft comemorando
impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT