Um Projeto: Fundação Estudar
Harvard Kennedy School of Government

Harvard Kennedy School of Government

Por Cecilia Araujo

Nos anos 1930, durante a Grande Depressão e às vésperas da Segunda Guerra Mundial, surgiu a ideia de se fundar uma escola de public affairs (assuntos públicos) em Harvard. Enquanto o governo americano era confrontado com desafios históricos nacionais e internacionais, um ex-aluno da universidade, o político Lucius N. Littauer, sugeriu a criação de uma escola que orientasse novos profissionais da área pública, oferecendo uma doação de 2 milhões de dólares – uma quantia nada modesta para um doador individual.

A Graduate School of Public Administration, que mais tarde daria origem à Kennedy School (HKS), foi fundada em 1936, próxima ao campus da Harvard University, em Cambridge, Massachusetts. A escola foi renomeada em 1966, em homenagem ao presidente americano John F. Kennedy. Nas últimas décadas, ela cresceu e se tornou uma das mais importantes na área de pesquisa em ciências sociais. Seus cerca de 46.000 ex-alunos residem em mais de 200 países e atuam em posições diversificadas do setor público, privado e terceiro setor.

Tamanho:
Os programas de mestrado possuem mais de 1.000 alunos full-time, sendo que 43% deles são estrangeiros, vindos de 92 diferentes países. Já os de doutorado têm 162 matriculados, 27% deles internacionais, de 31 países.

Áreas de estudo:
A faculdade oferece mais de 30 programas de mestrado, doutorado e educação executiva – com foco em políticas públicas, administração pública, desenvolvimento internacional, entre outras áreas. A escola também abriga 15 centros e institutos de pesquisa.

Ranking 2012:
3º lugar no ranking da US News

Application:
No processo seletivo da escola, os candidatos precisam apresentar:

– taxa de inscrição equivalente a 100 dólares
– formulário online de candidatura
– currículo
essays
– três cartas de recomendação (uma acadêmica e outra profissional)
– histórico escolar (traduzido para o inglês)
– GRE ou GMAT (cuja validade é de 5 anos)
– TOEFL (a nota mínima é 100) ou IELTS (a nota mínima é 7)

O deadline para o application costuma ser no início de dezembro. Para mais informações, clique aqui.

Bolsas:
Os alunos que forem admitidos em um dos programas de mestrado da Harvard Kennedy School podem se candidatar a uma bolsa de estudos Lemann Fellowship, cujo processo é coordenado diretamente pela universidade, e não pela Fundação Lemann.

O principal critério de seleção é o comprometimento do candidato com o Brasil, e não há um número fixo de bolsas por ano. Elas são parciais, com valores analisados caso a caso, tem validade de um ano, renováveis por mais um, e podem ser associadas a outras bolsas e programas de financiamento.

Para os interessados, o pedido deve ser submetido ao Committee on General Scholarships de Harvard, preenchendo o formulário disponível online. No site do escritório de Harvard no Brasil há mais informações sobre o programa Lemann Fellowship e sobre o Brazil Studies Program na universidade.

Curiosidades:
– O sul-coreano Ban Ki-moon, o atual secretário-geral das Nações Unidas, fez um mestrado na Harvard Kennedy School, depois de ter começado sua carreira como diplomata.

– Uma das vencedoras do Nobel da Paz em 2011 foi aluna da Harvard Kennedy School: a atual presidente da Libéria, Ellen Johnson Sirleaf. Ela dividiu o prêmio com outra liberiana, Leymah Gbowee, e a imenita Tawakel Karman.

Contatos:
Admissions office: +1 617-495-1155 / admissions@hks.harvard.edu

Alumni relations: +1 617-495-1394 / alumni@hks.harvard.edu

Faça um tour virtual na faculdade

Assista ao vídeo “A day in the life of Harvard Kennedy School”:

O que achou do post? Deixe um comentário ou marque seu amigo