Um projeto: Fundação Estudar

Pós Graduação

O que você precisa saber para cursar uma pós-graduação fora do Brasil

07.06.16

Descubra 5 diferenças entre GMAT e GRE e decida qual é o melhor para você

diferenças entre GMAT e GRE

Os dois exames são aceitos por programas de pós no exterior, mas o GMAT é mais indicado para quem deseja MBA. Veja também exemplos de questões!

Por Darrin Kerr, da FK Partners

Todo profissional procurando um curso de MBA no exterior logo depara-se com o desafiador GMAT, teste de admissão mais usado para programas de MBA. O GMAT tem sido por décadas “o exame” pelo qual os estudantes que vão para uma escola de negócios devem passar.

Todavia, existe uma alternativa para o GMAT: o GRE. A prova GRE é administrada pela ETS, um concorrente em ensino e avaliações ao GMAC (organização que administra o GMAT). Atualmente, boa parte das melhores escolas de negócios já aceitam o GRE como uma opção ao teste mais tradicionais.

Na hora de escolher qual exame fazer, o estudante deve levar em conta diversas variáveis de estilo e conteúdo; por exemplo:

 

#1 A seção de matemática é mais fácil no GRE.
A parte quantitativa da prova GRE é geralmente mais fácil quando comparada à do GMAT. As duas provas testam habilidades essenciais de matemática, incluindo aritmética, álgebra e geometria. Um terço das questões quantitativas do GMAT, porém, são no formato “dados suficientes” (uma pergunta seguida de duas declarações) – que é difícil de dominar. Além disso, as perguntas de problemática usualmente são mais capciosas que as do exame GRE. A prova GRE, além de usar as perguntas de múltipla escolha de uma resposta, usa também múltipla escolha com múltiplas respostas, comparação quantitativa e “entrada numérica”. Confira alguns exemplos destas perguntas abaixo.

#2 A seção de verbal no GRE foca no vocabulário; o GMAT foca em gramática.
Ter enfoque no vocabulário pode não ser visto como um ponto positivo por muitos candidatos, mas é importante notar a diferença entre o GMAT e o GRE na parte linguística. As duas provas têm interpretação de texto seguido de perguntas.
O GMAT possui perguntas de análise crítica e correção de frases. O GRE trabalha com perguntas de completar frases e de frases equivalentes. A principal diferença entre essa seção dos dois exames é que o GMAT foca em gramática e o GRE em vocabulário inserido em um contexto.

#3 No GRE, você pode pular questões e realizá-las depois.
A prova do GMAT usa um formato adaptável, que baseia o nível de dificuldade das próximas perguntas com base na resposta anterior. Assim, ela força o candidato a responder cada pergunta sequencialmente para poder seguir com a prova.
Já a prova GRE permite aos candidatos pular e retornar à questão, dentro da mesma seção. A próxima parte da prova se adapta dependendo da performance na seção anterior.

#4 O GRE é o mais realizado ao redor do mundo.
Apesar de só ultimamente o GRE ter passado a ser utilizado para admissão do MBA, o teste vem sendo usado por muitas outras seleções de mestrados. Por essa razão, existe mais que o dobro de provas GRE feitas mundialmente comparadas às provas GMAT.
Se um candidato não tem certeza sobre qual programa (MBA ou Masters) aplicar, o GRE é uma melhor opção, pois pode ser utilizado tanto para MBA quanto para Masters.

#5 O GRE é mais barato do que o GMAT.
A taxa de inscrição para a prova GRE é 205 dólares, enquanto a do GMAT, 250 dólares.
Como é usual que o candidato faça a prova mais de uma vez, essa economia pode ser significativa.

Mesmo que o GRE possa ser uma boa alternativa para muitos candidatos, você deve ponderar antes de decidir entre os dois, você pode tentar simulados de diagnóstico inícial do GRE e GMAT e aí então, decidir o que é melhor para você.

Confira abaixo alguns exemplos de questões de matemática do exame GRE. Para entender as respostas das questões, mais informações sobre qual exame é o ideal para você e como se preparar para eles, entre em contato com a FK Partners através do email: estudarfora@fkpartners.com

 

 

Sobre o Autor

Darrin Kerr é sócio na FK Partners, empresa de treinamentos em certificações financeiras, incluindo CFA, e que também apoia os candidatos que querem estudar fora com preparação para os testes GMAT, GRE, SAT, ACT e TOEFL.

Leia também:
GMAT e GRE: saiba como se preparar para as provas exigidas para pós fora
Mestrado sem GRE e MBA sem GMAT? Sim, é possível!
GMAT x GRE: veja as diferenças | Estudar Fora

Conecte-se ao Estudar Fora

Leia Mais

estagiários da Microsoft comemorando
impacto social
estudar na Asia
tudo sobre o GMAT