Inicio 88% dos brasileiros que vão estudar fora procuram o inglês como idioma, diz pesquisa

88% dos brasileiros que vão estudar fora procuram o inglês como idioma, diz pesquisa

88% dos brasileiros que vão estudar fora procuram o inglês como idioma, diz pesquisa

O principal objetivo dos brasileiros que buscam uma experiência internacional é desenvolver a proficiência em um idioma estrangeiro. De acordo com a Pesquisa Selo Belta 2017, divulgada ontem pela Associação das Agências de Intercâmbio (Belta), cursos de idioma correspondem a quase 40% dos programas comercializados no ano de 2017.

Considerando todos os programas, 88% dos entrevistados declararam buscar por educação ou formação em língua inglesa. Em contraste, apenas 6% dos estudantes escolheram o segundo idioma da lista, o espanhol.

 

 

Este resultado é corroborado pelos principais países procurados para intercâmbio – todos de língua inglesa. Canadá ficou em primeiro lugar pelo segundo ano consecutivo, seguido de Estados Unidos, Austrália, Irlanda e Reino Unido. No total, 40 países foram citados pelas agências consultadas.

Embora os cursos de idiomas continuem sendo o produto mais vendido pelas agências, cresceu a relevância de cursos de idiomas com trabalho temporário, que subiu da 4ª para a 2ª colocação. Cursos de graduação ou pós-graduação ficaram em 10º e 12º lugar, respectivamente.

De acordo com as estimativas da pesquisa, o setor movimentou 2,2 bilhões de dólares em 2016, com um investimento médio de 8 mil dólares por cliente.

Sobre a Pesquisa Selo Belta 2017

Para a Pesquisa Selo Belta 2017 foram coletados dados e informações com agências de intercâmbio e brasileiros que já realizaram ou pretendem realizar algum curso ou programa educacional no exterior. Os resultados foram apresentados em um evento comemorativo dos 25 anos da Belta.

 

Leia também: 10 estatísticas interessantes sobre estudar fora

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo:

Leia