Programa Líderes Estudar 2019: inscrições prorrogadas!

Logo do Programa Líderes Estudar 2019 e moça com braços cruzados na frente do corpo

O Programa Líderes Estudar 2019, antes conhecido como programa de bolsas da Fundação Estudar, prorrogou seu prazo de inscrições para até o dia 08/04! O programa existe há 26 anos como forma de propiciar que brasileiros estudem nas melhores universidades do mundo – seja no Brasil ou no exterior – e desenvolvam ao máximo o seu potencial.

Podem se inscrever jovens brasileiros de até 34 anos, que se identificam com os valores da Estudar, apresentam excelência acadêmica e querem deixar um grande legado para o país. A candidatura é aberta a estudantes de todas as áreas e cursos. As inscrições podem ser feitas por meio deste link.

O Programa Líderes Estudar 2019 oferece bolsas em quatro categorias: graduação completa no Brasil, Intercâmbio acadêmico de graduação ou duplo diploma no exterior, graduação completa no exterior ou pós-graduação no exterior (essa última incluindo mestrado, doutorado, pós-doutorado ou MBA, também nas modalidades “sanduíche”).

Leia mais: Como conseguir uma bolsa do programa Líderes Estudar

Benefícios

O valor exato da bolsa é definido ao final do processo seletivo, de acordo com perfil acadêmico do candidato, a duração e o local do curso, e sua condição familiar, profissional e socioeconômica. Mais informações estão disponíveis no regulamento do Programa Líderes Estudar 2019.

Mas além da bolsa, os candidatos selecionados passam a fazer parte também da comunidade de Líderes Estudar, a rede de talentos da Fundação Estudar que tem como missão contribuir para grandes transformações no Brasil em diferentes setores. Os candidatos escolhidos no processo têm acesso a mentoria e oportunidades de networking com grandes líderes. Também participam de programas de desenvolvimento pessoal e profissional oferecidos pela instituição.

Processo seletivo

O processo é composto por sete etapas, duas das quais são presenciais. A primeira delas é a inscrição, com pagamento da taxa. Em seguida, há testes de perfil e lógica e uma análise da trajetória do candidato. Seguem-se uma avaliação de vídeo produzido pelo candidato, uma entrevista de competências (que pode ser realizada por meios digitais) e, então, um painel com ex-bolsistas do programa (que acontece presencialmente).

As duas etapas finais são uma entrevista de aprofundamento de trajetória e uma entrevista final. Os candidatos com maior chance de serem escolhidos são aqueles que demonstrarem alto potencial intelectual, competências associadas a liderança, comprometimento com o Brasil, comprometimento e engajamento com a comunidade Estudar e seus valores, elevado padrão ético e excelência acadêmica e profissional.

Tire suas dúvidas sobre o processo seletivo no site oficial do programa e faça a sua inscrição!

O que você achou desse post? Deixe um comentário ou marque seu amigo: